A chanceler fará um pronunciamento oficial sobre o acidente hoje

A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, expressou sua consternação pelo acidente aéreo ocorrido nesta terça-feira nos Alpes franceses com o avião da Germanwings, e disse que conversou com o presidente do governo espanhol, Mariano Rajoy, e o presidente francês, François Hollande, sobre o acompanhamento do caso.

A chanceler está em “permanente contato” com o ministro das Relações Exteriores, Frank-Walter Steinmeier, e com o ministro dos Transportes, Alexander Dobrindt, informou o porta-voz do Executivo, Steffen Seibert.

O departamento das Relações Exteriores abriu uma linha de atendimento aos cidadãos para receber chamadas de possíveis familiares de vítimas.

Dobrindt viajou para a França para acompanhar no local as operações de resgate.

A chanceler, que cancelou todas as entrevistas previstas para hoje, fará um pronunciamento oficial sobre o acidente hoje às 10h30 (de Brasília), informou seu porta-voz.

A companhia Germanwings, unidade de baixo custo da Lufthansa, confirmou em uma breve declaração que o avião acidentado nos Alpes franceses cobria a rota entre Barcelona e Dusseldorf com 144 passageiros a bordo e seis tripulantes.

O acidente aconteceu pouco depois das 11h20 locais (7h20 de Brasília). A causa da queda ainda é desconhecida e não se sabe se há sobreviventes.

A companhia aérea se comprometeu a tentar esclarecer o mais rápido possível os fatos relacionados ao acidente e a fornecer ajuda aos afetados pela tragédia, a quem transmitiu suas condolências.