A passagem de ano do cantor foi marcada pela tristeza. É que ele perdeu seu cavalo de raça Baruk no último de semana, dois dias antes da virada de 2023 para 2024.

“LUTO: Infelizmente meu Baruk morreu por rompimento do intestino. Eu tô muito triste, gente, nem sei o que dizer. Meu Baruk maravilhoso, muito obrigado amigão, eu amo você”, desabafou Eduardo Costa ao anunciar a morte do amigo.

Baruk era tão amado que o sertanejo recusou uma proposta milionária de uma criadora norte-americana, que chegou a oferecer R$ 7 milhões pelo cavalo.

Apesar da tristeza, o cantor precisou engolir o choro para cumprir sua agenda de shows. Ele se apresentou no show da virada da cidade de Rio Preto da Eva, no Amazonas.