A atriz Monica Carvalho esteve no SBT (Sistema Brasileiro de Televisão), em São Paulo, neste último fim de semana, para gravar entrevistas com ganhadores da Tele Sena. Ela atua como apresentadora, em substituição a Beca Milano e Helen Ganzarolli e está tendo o desempeno como bem-avaliado pela direção da emissora.

Além disso, nos últimos tempos, a artista tem diversificado a carreira, estreando como roteirista no filme ‘Licença para Enlouquecer’, do qual também é uma das protagonistas. 

Em 2023, ela participou do reality de sobrevivência ‘No Limite: Amazônia’, sendo a primeira eliminada. A rápida participação marcou o retorno à Globo. Em 2017, Monica apareceu em alguns capítulos de ‘Tempo de Amar’. 

Novelas na Globo

Monica se projetou na emissora no ano de 1993, quando surgiu na abertura de ‘Mulheres de Areia’. Em seguida, atuou em ‘História de Amor’, ‘Chocolate com Pimenta’ e ‘Fina Estampa’. Já no SBT ela atuou em ‘Uma Rosa com Amor’. Esteve ainda em ‘Cidadão Brasileiro’, ‘Gênesis’ e ‘Jezebel’ na Record. 

Alvo de haters

No ano de 2022, Monica Carvalho virou alvo de ‘haters’ na internet por manifestar apoio ao então presidente Jair Bolsonaro. Ela disse ser uma pessoa “um pouco mais tradicional”. Na ocasião, afirmou ser contra o aborto, a favor das igrejas e defensora da família como instituição.

Sua firmeza em prol de pautas caras à direita vai na contramão da maioria das celebridades da TV, que se mostram simpáticas à esquerda. 

Em entrevistas, a atriz pediu respeito às suas opiniões. O SBT, como se sabe, é uma empresa identificada com princípios tradicionais. Silvio Santos apoiou Bolsonaro. Artistas de direita sempre se sentiram à vontade na emissora.

(Com informações do Terra)