Depois que Lucas Souza, o de , divulgou áudios em que conversa com a biológica da funkeira, Jordana Gleice decidiu retirar o nome de sua matriarca de seus documentos. É que, em conversa com o ex-genro, a mãe biológica da cantora chamou a filha de “ordinária” e saiu em defesa do militar.

“Ela é uma ordinária… quem orientou ela a isso? Ela vai acabar com a sua vida, orientada pelo inferno. Eu falo isso pra você, mas você não ouve. Ela é tola, nem eu mexo (…). Ela tá sendo mal orientada, mal assessorada. Ela não tem sabedoria, entende isso. Ela se acha a rainha da cocada preta. O diabo vai usar ela pra destruir você. É uma guerra espiritual, você não sabe? O cão usa o corpo de outra pessoa para prejudicar. Deixa Deus trabalhar. Deixa ela pra lá”, disse dona Ione em ligação com Lucas Souza divulgada pelo portal Em Off.

Assim, após a repercussão das falas da matriarca, Jojo Todynho veio a público nesta madrugada (17) revelar que entrou um pedido de retirada do nome de sua genitora de seus documentos.

“Eu entrei com um processo de exclusão do nome dessa senhora que me colocou no mundo da minha certidão de nascimento, vou deixar apenas o nome do meu pai. E por quê? Porque quem me criou foi minha avó, me educou, me deu amor, amparo, carinho”, afirmou.

“O que nunca me acrescentou, não me faz falta e é por isso que tomei essa decisão muito dura. Vai rolar processo ainda, tudo bonitinho… E esse é um dos desejos, quero muito ser mãe porque se eu não deixar herdeiro, essa senhora pode tomar conta de tudo meu. E eu não posso deixar isso. Nem minha avó que me criou, sabe, como funciona a justiça. Nem quem me criou tem o direito de ficar com o que é meu. Deus sabe todas as coisas, vamos deixar rolar. Só pra deixar esclarecido”, declarou Jojo.