Amber lamenta e Johnny Depp comemora resultado do julgamento: 'me sinto em paz'

Na decisão, a atriz terá que pagar US$ 15 milhões a Johnny, enquanto seu ex-marido pagará US$ 2 milhões para Amber
| 01/06/2022
- 17:36
Amber lamenta e Johnny Depp comemora resultado do julgamento: 'me sinto em paz'
Amber Heard deixando o tribunal (Foto: Divulgação)

O julgamento da ação movida por Johnny Depp contra Amber Heard chegou ao fim nesta quarta-feira (1). Após quase dois meses, a decisão do júri divulgada nesta tarde, foi a favor de Depp que comemorou com um longo texto nas redes sociais. Amber, por sua vez, ficou arrasada e se manifestou em entrevista.

Amber foi a única presente no tribunal, e não escondeu o descontentamento com a decisão final do júri: “Estou de coração partido que a montanha de evidências ainda não foi suficiente para resistir ao poder e à influência desproporcionais de meu ” disse ela em entrevista.

Na decisão, a atriz terá que pagar US$ 15 milhões a Johnny, enquanto seu ex-marido pagará US$ 2 milhões para Amber.

Já o astro de “Piratas do Caribe” divulgou um comunicado, celebrando a vitória e o que ele define como um novo capítulo em sua vida. “Desde o início, meu objetivo era revelar a verdade, independente do resultado. Falar a verdade era algo que eu devia aos meus filhos e a todos aqueles que permaneceram firmes em apoio a mim. Sinto-me em paz sabendo que finalmente consegui isso”, declarou Johnny num dos trechos.

Confira o comunicado de Depp:

Tradução: ''Seis anos atrás, minha vida, a vida de meus filhos, as vidas das pessoas mais próximas a mim, e também, a vida das pessoas, que por muitos e muitos anos apoiaram e acreditaram em mim foram para sempre mudado. Em um piscar de olhos. Alegações falsas, muito graves e criminosas foram feitas mim através da mídia, o que desencadeou uma enxurrada interminável de ódio conteúdo, embora nenhuma acusação tenha sido feita contra mim. Tinha já viajou ao redor do mundo duas vezes em um nanossegundo e teve um impacto sísmico na minha vida e na minha carreira. E seis anos depois, o júri me devolveu a vida. dracma verdadeiramente humilhado. A decisão de expurgar este caso, sabendo muito bem a altura do obstáculo legal que eu estaria enfrentando e o inevitável, espetáculo mundial na vida cibernética, só foi feito alterar o pensamento considerável. Desde o início, o objetivo de resolver o caso era revelar a verdade, independentemente do resultado. Falando a verdade era algo que eu devia aos meus filhos e a todos aqueles que permaneceram firmes em seu apoio a mim. eu sinto em paz sabendo que finalmente consegui isso. Eu sou, e fui, oprimido pelo derramamento de conhecimento e o colossal apoio e gentileza de todo o mundo. espero que minha busca para que a verdade seja dita tenha ajudado outros, homens ou mulheres, que se encontraram na minha situação, e que aqueles que os apoiam nunca desistem. Eu também espero que a posição agora retornará a inocente até prova em contrário, tanto nos tribunais quanto na mídia. Desejo reconhecer o nobre trabalho do Juiz, o jurados, funcionários do tribunal e o xerife que sacrificaram seu próprio para chegar a este ponto, e ao meu diligente e inabalável equipe jurídica que fez um trabalho extraordinário em ajudar que eu compartilhe a verdade. O melhor ainda está por vir e um novo capítulo finalmente começou. Veritas numquam perit. A verdade nunca perece.''

*Testo supervisionado por Gabriel Maymone

Veja também

Na sequência de vídeos publicadas pela influenciadora digital, ela explicou as duas situações onde teve dados médicos divulgados sem autorização

Últimas notícias