MidiaMAIS / Famosos

Influenciadora Thaynara OG desabafa ao lembrar de internação após lipo

Após morte de uma influenciadora, Thaynara OG decidiu contar que já foi parar na UTI após uma lipoaspiração que não foi bem sucedida

Carlos Yukio Publicado em 25/01/2021, às 08h40

None
Influenciadora Thaynara OG desabafa ao lembrar de internação após lipo

Após a morte da influenciadora Liliane Amorim, que não sobreviveu às complicações decorrentes de uma lipo lad, Thaynara OG decidiu contar, neste domingo, que já foi parar na UTI após uma lipoaspiração que não foi bem sucedida. Até a manhã dessa segunda-feira (25), o vídeo já possuía mais de 2 milhões de visualizações.

“Vocês viram o que aconteceu. Um caso trágico e muito revoltante que aconteceu com uma influenciadora de 26 anos, que infelizmente faleceu por conta de complicações de uma lipo que ela fez. Tornou ainda maior a necessidade de compartilhar algo que sempre tive vontade de falar sobre, mas não tinha coragem e tinha vergonha”, começou Thay, em seu Instagram.

Thaynara afirmou sentir “vergonha” por ter enfrentado os riscos da cirurgia e desabafou sobre as inseguranças com o próprio corpo. “Apesar de atender a muitos padrões de beleza também sinto uma pressão estética muito grande. Tenho dificuldade de aceitar algumas coisas e minhas insatisfações com o corpo”, contou.

Em seguida, detalhou o desespero pela falta de acompanhamento médico durante um sangramento excessivo no pós-operatório. “Ele viu que no dreno estava saindo muito sangue. Mas ele disse que eu estava corada e bem. Quando ele falou isso, as enfermeiras e minha família se entreolharam. Eu estava muito amarela! Eu estava perdendo sangue. Me levaram para a UTI e já bateu aquele medo”, disse sobre o caso que aconteceu em março de 2020.

“Recebi duas bolsas de transfusão de sangue. Tudo isso muito rápido, a gente sem entender nada. Esses dias na UTI, me senti muito mal. Não saía da cama nem para fazer as necessidades. Não conseguia dormir de tanta dor. Mandaram um psicólogo para mim, e eu me sentia mal por deixar a família nervosa. Nunca mais quero voltar para aquilo”, prosseguiu.

Thay ainda relembrou o difícil processo de recuperação que foi lento. “Foram meses horríveis. A recuperação, que já era difícil, foi mais lenta que o normal, já que minha barriga ficou bem pontuda para o lado esquerdo. As pessoas fazem dez drenagens, eu fiz mais de 50”, finalizou.

Jornal Midiamax