MidiaMAIS / Famosos

Karol Conká diz que ‘deu na cara’ de estrangeiro após presenciar assédio

"Esse gringos têm que aprender", disse a cantora

Joaquim Padilha Publicado em 12/12/2017, às 12h54

None

“Esse gringos têm que aprender”, disse a cantora

A funkeira Karol Conka publicou um vídeo em seu Instagram nesta segunda-feira (11) relatando ter presenciado uma cena de assédio contra mulheres no hotel Sheraton Grand Rio Hotel & Resort, no Rio de Janeiro. O autor teria sido um hóspede estrangeiro.

Indignada, Conka reclamou da atitude dos ‘gringos’. “A gente tá aqui no Sheraton curtindo um final de trabalho pra chegar esses gringos e chamar as ‘minas’ de puta e passar a mão nelas. É o dia inteiro, é todo dia isso, gente. Gringo folgado”

Karol reclamou também da falta de atitude da gerência do hotel. “Acho que a medida que tinha que ser tomada é a seguinte, o cara passou a mão nas meninas, fez gesto obsceno, tira o cara do local”, disse a cantora.Karol Conká diz que 'deu na cara' de estrangeiro após presenciar assédio

Ela disse que ela mesmo quem acabou resolvendo a história. “Quem teve que resolver fui eu. Acabei dando na cara dele”. A assessoria de imprensa do hotel Sheraton não confirmou se a cantora entrou em briga corporal com o hóspede.

Karol terminou o vídeo deixando recado que esses “gringos têm que aprender”, e que o assediador não pode ser desculpado porque “ele tava bêbado, fora de si”. “Quando você se cala diante de uma situação de abuso ou agressão, você é cúmplice”, disse a funkeira.

Jornal Midiamax