O aniversário inesquecível teve muita diversão, surpresas, perrengues e o melhor: deu pra conhecer bares em vários cantos de Campo Grande, 40 ao todo. E a personal trainer Francieli Sitta teve a companhia das amigas, para este rolê diferenciado, que ocorreu no último sábado (13). A maioria, segundo elas, foi uma grata surpresa, com os donos entrando na onda, porém, outros não gostaram tanto e disseram que foi só o tempo de comprar a cerveja, “fazer o brinde e tchau”.

“Nós começamos por volta das quatro da tarde e encerramos duas horas da manhã, no último bar. Fizemos uma rota antes, para terminar ali na região do Tiradentes, perto de onde a maioria das meninas moram. A gente circulou com carro de aplicativo e ali na região da Euclides da Cunha e a Antônio Maria Coelho, principalmente, foi de carona ou a pé, porque era tudo bem pertinho um do outro”, contou ao MidiaMAIS uma das amigas, a modelo plus e influencer Raphaela Amorim, de 27 anos.

No grupo de amigas, a e empreendedora Renata Serejo, de 28 anos, é quem teve a ideia da comemoração. “Ela viu uma trend do , de rodar 40 bares e aí fizemos um roteiro com bares próximos, para otimizar mesmo e pensando nos aplicativos e carona de amigos que moram perto destes lugares e poderiam nos ajudar. Primeiro, começamos perto da casa da aniversariante, dali partimos para uma conveniência perto e seguimos para Afonso Pena”, explicou Amorim.

Aniversariante teve a companhia de amigas e fez todo o rolê no último sábado (13), usando carro por aplicativo, carona ou indo a pé aos locais.
Rolê ocorreu no último sábado (13). (Reprodução, Redes Sociais)

Em seguida, fizeram uma sequência de bares na região e saíram rodando. “Alguns foram muito legais, deram cerveja pra gente e até porção de coxinha. Muitos entraram no clima mesmo, porque viram a Fran uniformizada com a camiseta 40 voltas aos bares. Foi muito divertido, gostoso mesmo, só que teve que ser muita rápido, ainda mais porque, em , os locais fecham cedo, por volta da meia-noite, uma hora da manhã, então, nossa reta final tinha que ser por volta deste horário”, explicou a modelo.

Por fim, as amigas encerram a noite em um bar e lanchonete, onde comeram e falaram sobre a experiência. “Claro que também teve perrengues, já que alguns lugares que não deixaram a gente entrar sem pagar couvert, mesmo a gente explicando que não iríamos ficar lá muito tempo. Só que a maioria dos locais foi super solícito, empático e fazia uma comanda só ou nem cobrava couvert. Alguns até nos davam a bebida e falava só para postarmos o nome do local e divulgar. A maioria gostou da ideia”, relembrou Raphaela.

Por fim, a modelo fala que super valeu a experiência. “Nós até comentamos que todo mundo devia ter esta experiência, porém, na próxima a gente pretende alugar uma van. O aplicativo, às vezes, demora muito e isso otimiza o tempo. E ninguém quis dirigir porque seria muito inconsequente, mas, todo mundo estava bem disposto, então, a gente se divertiu muito, conhecemos várias pessoas e voltamos tranquilas para casa”, finalizou Amorim.

Veja aqui as amigas percorrendo os bares de Campo Grande: