Embora não tenha outros artistas na família, o douradense Miliano, de 30 anos, cresceu em um musical expressivo, graças ao seu pai, que sempre adorou ouvir rock. No entanto, foi na adolescência, por influência dos seus amigos e vizinhança, que ele teve contato com o gênero rap, que mudaria sua vida pessoal e profissional.

Foi neste período que o jovem começou aprender a tocar violão e decidiu arriscar suas primeiras composições. Não demorou para que se interessasse ainda mais pelo universo da e decidisse participar de suas primeiras batalhas de rap. Em suas rimas, inspirado pelo reggae, o artista sempre manifestou mensagens revolucionárias, filosóficas e sobre o respeito à vida.

Mas, é claro, durante sua trajetória houve muitos obstáculos. Por estarmos em um estado onde o gênero musical predominante continua sendo o sertanejo, na época o “rap era ainda mais nichado. As batalhas, as pessoas sempre tiveram mais facilidade em aceitar porque elas se divertem, mas na música, o caminho é muito árduo”, explica Miliano.

No entanto, como pontua categoricamente o músico, “as portas fechadas aumentam a nossa resiliência” e, de pouco em pouco, ele foi conquistando seu espaço na música.

Classificação na disputa de título nacional de batalha de rima

Ter participado de duas competições de rima, em 2017 e 2018, inspirou Miliano a continuar se dedicando às principais batalhas de rap nacionais e internacionais. Prova disso é que no dia 16 de setembro, ele foi o grande vencedor da última etapa regional do Red Bull FrancaMente e garantiu uma vaga para a grande final de um dos maiores eventos de rap do mundo.

Sobre a final, que acontece no dia 30 de setembro, MC Miliano pontua que “é um momento grandioso”. Para ele, o foco maior neste momento não é a vitória, mas sim o preparo para a próxima etapa da competição.

“Ter a oportunidade de representar meu estado, minha família e meus amigos é gratificante. Essa etapa foi só mais um passo”, explica. “Estou focado nos treinos e não estou criando expectativas”, admite o MC.

Para ele, esta também é “uma grande oportunidade de intercâmbio cultural porque tem a possibilidade de conhecer MCs de todo o Brasil. [A competição] é uma grande vitrine”.

Red Bull FrancaMente

O Red Bull Batalla é um dos maiores eventos de rap do mundo e acontece em países de língua hispânica. Ao longo de mais de 15 edições, criou uma engajada comunidade ao redor do planeta e revelou nomes como Aczino, mexicano tetracampeão nacional do evento e o único a vencer uma final nacional fora de seu país, e Rapder, que também tornou-se referência no México. O evento ainda inspirou batalhas adaptadas ao idioma local em outros países, como Japão, França, Rússia e Brasil – que estende o Red Bull FrancaMente a Portugal, onde os lusitanos se reunirão, no mesmo formato, para disputar no segundo semestre do ano.

A final em que Miliano competirá acontece no dia 30 de setembro, em São Paulo, com transmissão ao vivo pelo YouTube.

Conheça mais sobre o trabalho de MC Miliano acessando suas redes sociais.