Foram 15 anos de espera para de Pitty reviverem a experiência de ver a artista cantando ao vivo em . A cantora embalou multidão no sábado (16) e enalteceu a parceria com artista regional que participou da regravação do álbum Admirável Chip Novo — que completou 20 anos e originou a turnê de comemoração.

Ao Jornal Midiamax, Pitty não conteve elogios para Marina Peralta, que regravou ‘I Wanna Be' no álbum ‘Admirável Chip Novo (Re)ativado'. “Maravilhoso, é uma honra ter Marina nesse disco. Durante a curadoria desse projeto, eu queria que a gente tivesse bastante mulher, bastante pessoas de outros estilos que também dialogam com a identidade do e do chip novo”, explicou ao Jornal Midiamax.

Pitty destacou que a questão geográfica interferiu nas escolhas para parcerias da regravação do álbum. “Bastante diversidade mesmo, não só de gênero, de raça, de orientação, mas também de geografia. Eu sou baiana, então eu entendo também que tem tantos artistas bons em tantos lugares do nosso Brasil”, disse.

“Eu acho que Marina vem representando tudo isso, a força da mulher, a força da mulher dentro do reggae, a identidade, a cena aqui de campo grande. É uma honra. Eu amei o resultado, achei que ela andou muito bem e a gente sempre pensou em Wanna vir naquele style, ela e a galera do Rockers Control representaram muito”.

pitty campo grande
Pitty embalou multidão com músicas do álbum Admirável Chip Novo. (Monique Faria, Midiamax)

‘Vamos encurtar esse encontro'

Durante o show, Pitty agradeceu diversas vezes o público e o coral que acompanhava cada música. A cantora não só lembrou dos 15 anos em que não veio para Campo Grande, como fez um combinado com a plateia. “Vamos encurtar esse encontro? 15 anos é tempo demais”, disse entre uma canção e outra.

A expectativa para subir no palco campo-grandense também tomou conta da artista, que antes do show admitiu em entrevista que quase beijou o chão quando desembarcou em Campo Grande. “Quase beijei o chão, que nem o Papa, tá ligado? Só não beijei porque o chão estava muito quente, né? Tô brincando”, disse animada.

“Eu tô muito feliz, finalmente poder vir, ainda mais com essa turnê de comemoração dos 20 anos. Então, acho que vem numa hora massa”, afirmou antes do show. Para Pitty, os últimos que não aconteceram “foram uma pena”. Contudo, a artista disse que com a turnê, optou por passar em Campo Grande. “É meio que: ‘vamos apressar aí essa conspiração do universo e vamos se divertir pra caramba hoje'”, comentou.

A passagem foi tão rápida que Pitty segue sem conhecer a Cidade Morena. “A gente faz muito bate-volta, amanhã [domingo] a gente já tem show em outro lugar. É meio isso, dificilmente a gente tem tempo para poder conhecer. Eu adoraria, na verdade, poder ficar”, destacou.

pitty campo grande
Fãs viajaram para ver Pitty. (Monique Faria, Midiamax)

Saudade acumulou emoções para o show

Fã desde a infância, João Lélis estava ansioso para o show que comemora os 20 anos do álbum que inseriu Pitty na vida dele. “É um álbum de estreia, né? É um álbum que eu conheci ela, então poder ver as músicas que a gente curtia lá atrás ao vivo… Não vai ter explicação, vai ser muito legal”, admitiu sobre a emoção.

Aos 29 anos e com dois shows da Pitty ‘nas costas', ele comemorou a vinda da cantora para a cidade natal. “Eu tive a oportunidade de ver dois shows dela em Cuiabá. Então assim, pra mim, como fã, é mais recente. Mas vai ser super legal eu encontrar ela na minha cidade, a cidade que eu nasci. A expectativa tá grande”, comentou.

Ana Paula Roca levou o esposo e as filhas, de 21, 12 e 9 anos, para o show da Pitty. Com 43 anos, a fotógrafa afirmou que é fã da cantora desde os ‘primórdios'. “Como eu ouço muito, as meninas também têm o costume, gostam e ouvem muito. Então elas são muito fãs também”, explicou.

O empenho para o show foi grande, já que a família mora em Rondonópolis. Eles garantiram os ingressos no primeiro lote e viajaram mais de 600 quilômetros para chegar em Campo Grande. “A gente está numa expectativa muito grande para esse show”, explicou. Sortuda, a família entrou na lista de fãs que acabaram conhecendo a cantora pessoalmente pouco antes da apresentação.

A programação marcava o início para 22h. Pitty subiu no palco pouco depois do horário e ficou no palco cerca de 1h30. Além das músicas do ‘Admirável Chip Novo', a artista cantou sucessos como ‘Me Adora', ‘Memórias' e ‘Na sua estante'.