Os pés de acerola passavam despercebidos em meio a correia da rua Pedro Celestino, no bairro São Francisco, em Campo Grande. Próximo à região central, muitos motoristas usam o acesso e seguem rumo ao caminho estreito, que logo desemboca na avenida Mato Grosso. Mas, quem possui olhar atento vai ver um colorido especial que, mais de perto, revela passarinhos de pano alegrando a varanda da aposentada Geny Cação da Cunha, de 88 anos.

Moradora do local desde 1957, a idosa fala que senta na varanda todos os dias e fica admirando os animais que ali visitam. “Por conta deste enfeites aqui vem um monte de beija-flor e outros, estes de verdade, visitar. Tudo por conta do colorido, eu acredito. É muito bonito e tudo é feito pela minha filha artesã. Ela faz os pássaros e também faz bijuterias, gosta bastante”, afirmou ao MidiaMAIS a idosa.

Vista da varanda da Dona Jeni. Foto: Nathalia Alcântara/Jornal Midiamax
Vista da varanda da Dona Jeni. Foto: Nathalia Alcântara/Jornal Midiamax

Segundo Geny, a filha fez e colocou os pássaros de pano, minuciosamente, no último Natal, dando um charme especial ao local. Um a um, ela corta o pano, pinta alguns com bolinhas, preenche o que vai ser o corpinho do pássaro e depois faz o ninho embaixo.

“Eu sempre fiz porque gosto mesmo, nada profissionalmente. Só que aí muita gente começou a pedir e daí eu faço encomendas, às vezes. Coloquei primeiro na minha casa, nos meus pés de acerola no Monte Castelo. Isso foi no Natal há três anos, tinham 50 pendurados. O pessoal começou a pegar, levar pra casa, até que a minha mãe falou que queria na casa dela também”, afirmou Jucemi Cação da Cunha Bulhões, de 62 anos.

Além de pássaros, D. Jocemi diz que gosta muito de fazer outros tipos de artesanato. Foto: Arquivo Pessoal
Além de pássaros, D. Jocemi diz que gosta muito de fazer outros tipos de artesanato. Foto: Arquivo Pessoal

Por conta da chuva e sol, a artesã fala que alguns passarinhos estão desbotados. “Minha mãe adora. Senta lá e fala: ‘Meus passarinhos estão voando’. E, se perceber, eu coloco o fio de nylon para dar aparência de que realmente estão voando. Daí lá vai passarinho, beija-flor e fica mais lindo ainda. Eu amo artesanato, faço não só isso como bonecas também. E amo que minha mãe gosta, já perdi a conta de quantos passarinhos fez. Acho que foram mais de 500″, finalizou.

Veja imagens da varanda da casa: