Não é exagero nenhum falar que, “da barriga da mãe”, Eros e Lorenzo já curtiam música clássica e sertaneja “raiz”. Os garotos, de 12 e 10 anos respectivamente, não são gêmeos, porém, a mãe colocava sons no fone de ouvido para ambos ouvirem. Desta forma, ainda muito pequenos já pegavam o violão e imitavam cantores que apareciam na televisão. Agora, após muitas apresentações em Campo Grande, o amor foi explícito para todo o país, já que eles participam da seletiva do The Voice e fizeram todos os jurados “virarem as cadeiras”.

Foto: Redes Sociais/Reprodução

“Eles tiveram contato com a música desde muitos novos, desde a gestação. Na minha área, que é a da educação, valorizamos muito esse contato com as modalidades que ajudam no desenvolvimento infantil. E quando eles completaram cinco anos, passaram a fazer aulas e o Lorenzo, inclusive, aprendeu a ler com as partituras”, afirmou ao MidiaMAIS a mãe, a professora Alessandra Cristina de Sá Taveira Azevedo, de 42 anos.

Além dos dois, Alessandra ainda é mãe da Labele, de 9 anos. Enquanto os acompanha na seletiva do programa, no Rio de Janeiro, o pai cuida da mais nova.

“Nós sempre compartilhamos bastante as responsabilidades e o meu marido tem acompanhado a pequena, com apoio dos familiares e amigos. Não falta amor. E por aqui está sendo necessário conciliar a participação no programa com a rotina escolar, antecipando as atividades” comentou.

Quando surgiu a dupla?

Conforme Alessandra, a dupla nasceu no momento em que Eros aprendeu a fazer a segunda voz. “Eles perceberam que uma voz completava a outra e que a afinação estava mais harmoniosa. Foi justamente quando ficaram mais animados e passaram a ouvir vários repertórios, de vários cantores, de diferentes épocas, porém, as preferidas são as de épocas mais antigas, por terem história para contar e sempre relacionadas ao meio rural e a vida das pessoas, algo que os encanta muito”, argumentou.

Desta forma, a música eleita foi a “Vivendo Aqui No Mato”, do Trio Parada Dura. “É uma canção que fala dessas histórias de lembranças, de um estilo de vida, então foi a escolha deles. Antes, eles também aprenderam a interagir com o público e, com menos de um ano, já estavam recebendo convites. Lembro que as pessoas logo começaram a gostar deles nas redes sociais e aí fizeram participações especiais em eventos esportivos e culturais de Campo Grande”, ressaltou.

Eros e Lorenzo brincando com instrumentos musicais. Foto: Alessandra Azevedo/Arquivo Pessoal
Eros e Lorenzo brincando com instrumentos musicais. Foto: Alessandra Azevedo/Arquivo Pessoal

Com o tempo, a mãe também os inscreveu em apresentações de sarau no parque, prefeitura, feiras, eventos culturais do governo do Estado, feira central, campeonatos de ciclismo, festival de orquídeas no armazém cultural, bares e festivais em escolas.

“Eles foram criando essa afinidade com o público e agora estamos em seletivas online desde outubro. Neste fim de semana, fizeram audições às cegas em rede nacional de televisão e as próximas etapas são batalhas. Eu estou rouca ainda, muito emocionada e curtindo muito, acompanhando cada passo deles”, finalizou.

Veja a dupla cantando: