Um banner vermelho, com duas fotos de uma idosa em poses espontâneas, virou atração para as pessoas que caminham pela calçada da Rua Dom Aquino, no Centro de Campo Grande (MS). Que razão especial alguém teria para estampar imagens da senhora em um pedaço tão movimentado da cidade?

O proprietário do comércio mais próximo responde à pergunta. “É minha irmã. Tirei as fotos com meu celular e mandei fazer o banner como presente antecipado de aniversário para ela. É uma homenagem por trabalhar há tanto tempo comigo e ser muito querida por todos os clientes”, conta ao MidiaMAIS Ivo Rafael da Siva, de 65 anos.

Irmã virou modelo de loja aos 70 anos, como reconhecimento pelo trabalho (Foto: Nathalia Alcântara/Jornal Midiamax)

Acontece que a homenageada não gostou. “Deu uma briga danada entre nós dois por causa daquele ‘espantalho’ que ele colocou em frente à loja. Não sabe fotografar e ainda faz isso escondido. Mandei tirar de lá!”, revela Vilma Aparecida da Silva, a irmã que completa 71 anos na próxima segunda-feira (26).

O pessoal dos comércios vizinhos e os clientes fiéis de Vilma, no entanto, aprovaram a homenagem. Legitimando a opinião popular, a idosa concordou em ter as fotos expostas novamente. E lá está o banner, quase na esquina com a Avenida Calógeras.

Vilma trabalha há quase 10 anos com o irmão (Foto: Nathalia Alcântara/Jornal Midiamax)

A cabeleireira e cliente antiga de Vilma, Eliane de Souza, gosta muito do atendimento da idosa e considera bonito o gesto de Ivo. “Ela merece. Atende bem mesmo quem vem comprar algo simples. Difícil encontrar vendedores tão atenciosos quanto ela hoje em dia”, diz.

Em geral, as pessoas que veem o banner o acham diferente em comparação aos comuns. Ao passar por ali e saber do que se trata, a autônoma Tatiane Lopes disse que faria o mesmo pelo irmão. “Hoje em dia é bem raro ver uma relação tão próxima entre irmãos”, comenta.

Banner também serve para divulgar loja

Um detalhe importante que acabou ficando em tamanho pequeno na impressão do banner foi o nome da loja de variedades de Ivo: Ponto Mix. Tem que chegar perto para ler e entender que a função da peça publicitária também é divulgar o comércio.

Ao procurar uma gráfica e pedir o presente de Vilma, o irmão tentou unir o útil ao agradável, considerando que a fachada da loja não tinha mais um antigo banner.

“Com as obras de revitalização do Centro, recebi da prefeitura notificação para retirar o de cima por estar fora dos padrões. Para o meu comércio não ficar sem identificação e para homenagear a minha irmã, comprei esse banner de chão”, revela o comerciante.

Ex-camelô e irmã mais velha

Além de 70 anos de muita disposição e amabilidade para atender a clientela na loja do irmão, Vilma também tem muita história. Mineira e filha de garimpeiro, ela já viu muitos diamantes quando criança e morou em outros vários estados, até vir para Campo Grande e se tornar vendedora ambulante. Quando jovem, tinha uma banca de rua na capital sul-mato-grossense, em que vendia peças de roupa. Criou filhas e netos sendo camelô.

Irmã mais velha de Ivo, ela atualmente também cuida de um outro irmão idoso que está em Campo Grande. Vilma se orgulha de ter muita saúde e conseguir ajudar a todos da família enquanto dá conta das vendas da loja de variedades. O trabalho no comércio do irmão dá a ela uma renda extra para somar à aposentadoria e melhorar a qualidade de vida.

“Gosto de conversar”

A idosa conta que o segredo para chegar tão bem à idade que tem é trabalhar bastante e gostar das pessoas. “Gosto de povão, de conversar e de estar no movimento. Nem sentar direito eu sento”, fala.

E sobre os presentes que costuma receber, Vilma diz preferir escolher ela mesma. “Quando quero alguma coisa, pego o que gosto na loja do meu irmão. E gosto de ganhar dois: de Natal e de aniversário. Tudo junto, não!”, ela ri. O banner foi o presente mais inusitado que ela ganhou em quase 71 anos de vida.

E você, conhece alguma homenagem que “não deu bom”? Conte pra gente!

Fale com o Midiamax

Tem alguma denúncia, flagrante, reclamação ou sugestão de pauta para o Jornal Midiamax? Envie direto para nossos jornalistas pelo WhatsApp (67) 99207-4330. Acima de tudo, com sigilo garantido por lei.

Acompanhe nossas atualizações no Facebook, Instagram e Tiktok.