Ela chegou. Uma das personagens mais esperadas pelos telespectadores de “Pantanal”, Érica (Marcela Fetter) finalmente já está inteirada com os personagens da novela. Sua chegada ao pantanal de MS foi exibida no capítulo deste sábado (16), mas desagradou os sul-mato-grossenses que prestaram atenção em cada fala.

Com a pompa toda, a moça logo assuntou com Almir Sater, ou melhor, Eugênio, o chalaneiro, e avisou que está na região para fazer uma reportagem sobre o bioma. Ela se mostrou bastante preocupada e militou a respeito das queimadas que devastam a fauna e a flora pantaneiras a cada ano: “não é fake news, nem exagero da mídia”, declarou.

Ao saber das intenções de Érica, o personagem de Almir Sater disparou: “de vez em quando aparece ‘uns bicho desse’ por aqui”, disse o piloteiro, sobre jornalistas. Se o assunto era “Pantanal”, então Érica deveria falar com uma pessoa, concluiu Eugênio, que a levou para a fazenda de José Leôncio (Marcos Palmeira).

Explicando seus objetivos para o fazendeiro, a jornalista que banca a entendida do pantanal, começou cometendo uma gafe imperdoável: mencionou errado o nome de uma cidade de MS – erro do texto de Bruno Luperi, apenas dito pela atriz.

Outro ponto da mesma cena que fez os sul-mato-grossenses torcerem o nariz foi o fato dela ter mencionado mais o pantanal mato-grossense, “enaltecendo” Mato Grosso, enchendo a boca para falar os nomes das cidades do Estado vizinho corretamente, e errando o nome da única cidade sul-mato-grossense que citou.

https://twitter.com/naytuitaaa/status/1548475601954095105

Mas o que Érica disse?

“Ela é jornalista, pai. Ta aí rodando o ‘pantanar’ em busca de… de sei lá o que”, disse Tadeu ao apresentá-la a Zé Leôncio. “Estou aqui pra fazer uma matéria, mas para ser 100% honesta nem eu sei exatamente o que eu tô buscando”, avisou Érica.

Ela pediu abrigo e Zé Leôncio cedeu, querendo saber: “Ocê andou por onde?”. E é aí que a fala polêmica veio: “Passei por Poconé, Cáceres, Barão de Melgaço e aí eu vim descendo. A minha ideia inicial era chegar até ‘Porto de Murtinho’ ainda, Nabileque, mas não sei, acho que eu já tô um pouco na dúvida”, disparou.

“Ah, eu conheço tudo aí”, pontuou Zé Leôncio. “E por todo mundo que eu passei, todo mundo conhecia o senhor”, completou Érica, encerrando a conversa.

O nome correto da única cidade sul-mato-grossense mencionada pela jornalista é Porto Murtinho e não “Porto de Murtinho”. Se Zé Leôncio conhece as bandas, por que não corrigiu a novata, que está ali para escrever sobre o lugar? Nas redes sociais, a gafe não passou despercebida. Confira um pouco da repercussão:

Fale com o Midiamax

Tem alguma denúncia, flagrante, reclamação ou sugestão de pauta para o Jornal Midiamax? Envie direto para nossos jornalistas pelo WhatsApp (67) 99207-4330. Acima de tudo, o sigilo é garantido por lei.

Acompanhe nossas atualizações no Facebook, Instagram e Tiktok.