MidiaMAIS

Mulheres de MS criam coletivo para ajudar no combate às queimadas no Pantanal

Para ajudar Ongs no combate às chamas, mulheres de Campo Grande e outras cidades pensaram em um coletivo autônomo com sorteio de kits

Carlos Yukio Publicado em 18/09/2020, às 10h19

None
Mulheres de MS criam coletivo para ajudar no combate às queimadas no Pantanal

As queimadas no Pantanal já duram meses e já devastaram uma área do bioma que equivale a mais de 8 milhões de estádios do Maracanã em MS e MT. Para ajudar Ongs no combate às chamas, mulheres de Campo Grande e outras cidades pensaram em um coletivo autônomo.

O ‘Mulheres pelo Pantanal’ é uma iniciativa pensada por um coletivo de artistas, vendedoras, artesãs, fotógrafas, doulas e mais trabalhadoras querendo colaborar. Atualmente conta com 37 colaboradoras. O projeto foi idealizado há uma semana por Marina Duarte e Yasmin Froés.

A ideia surgiu com o objetivo de angariar fundos para organizações que estão atuando no combate aos incêndios de grandes proporções que assolam o Pantanal nesse momento.

“Não recebemos dinheiro de ninguém. Auxiliamos no processo de doação às instituições disponibilizando os links das Ongs parceiras. A cada de R$20, o doador consegue cadastrar um nome no sorteios. Nessa primeira leva, temos 9 kits com vários tipos de produtos e serviços. A cada R$150 reais, o doador concorre a todos os kits”, explica Marina Duarte.

Serão feitos sorteios de kits de produtos e serviços disponibilizados pelas colaboradoras para sorteio. As inscrições podem ser efetuadas a partir da apresentação do comprovante de doação à Comitiva Esperança, ECOA, G.R.A.D Brasil ou SOS Pantanal.

A partir do Instagram do coletivo @mulherespelopantanal você consegue acessar o formulário, acessar os links pra doar e conferir a premiação e conhecer mais um pouco sobre o trabalho das organizações no combate aos incêndios.

Jornal Midiamax