Geral

Leitor flagra mulher andando pelada em plena luz do dia em avenida da Capital

Ela caminhava de cabeça baixa nas proximidades do UPA

Diego Alves Publicado em 25/09/2015, às 21h13 - Atualizado em 26/04/2018, às 17h55

None
pelada.jpg

Ela caminhava de cabeça baixa nas proximidades do UPA

Um leitor registrou o momento em que uma mulher transitava nua, na Avenida Guaicurus no Bairro Universitário em Campo Grande, na tarde desta sexta-feira (25), em Campo Grande. A mulher aparentemente tem problemas psiquiátricos. Sem dizer nada, ela caminhava de cabeça baixa nas proximidades do UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Universitário.

Populares disseram que acionaram a PM, porém posteriormente moradores viram que ela vestiu a roupa que carregava na mão.

Outros casos

Em junho deste ano, um leitor que transitava na Avenida Ceará e Coronel Antonino, por volta das 5 horas, flagrou uma jovem de aproximadamente 20 anos, andando nua pela via. “Pode ser droga ou distúrbio mental. Nota-se que o guarda na moto tenta falar com ela, mas ela não dá atenção e continua focada em uma reta só”. O vídeo foi publicado sem tarjas ou borrado pelo fato de não ser possível identificar ou visualizar as partes íntimas da jovem.

Na época não houve informações de que algum popular acionou a Polícia Militar por conta da mulher que transitava completamente nua. Não há nenhum boletim de ocorrência neste domingo (14), envolvendo alguma jovem na região norte e Avenida Ceará que tenha sido vítima de algum crime como estupro, ou tenha sido roubada, tenha tido as roupas levadas ou alguma situação parecida. Em junho de 2014, uma mulher também foi flagrada andando nua na Avenida Maracaju durante um jogo da seleção brasileira.

WhatsApp: fale com os jornalistas do Jornal Midiamax

O leitor enviou as imagens ao WhatsApp da redação, no número (67) 9207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem diretamente com os jornalistas do Jornal Midiamax. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total anonimato garantido pela lei.

Jornal Midiamax