Geral

Depois de quase 24 horas carreta tombada é retirada de avenida da Capital

Remoção de caminhão demora por causa de perícia de seguradora

Thatiana Melo Publicado em 17/02/2015, às 18h20

None
carreta.jpg

Remoção de caminhão demora por causa de perícia de seguradora

O caminhão, com placas OBO-4540, de Mato Grosso, que tombou na tarde dessa segunda-feira (16), na Avenida Guaicurus só começou a ser retirado da pista depois de praticamente 24 horas do acidente.

De acordo com o motorista da carreta, Rubens de Assis, de 48 anos, a demora se deu por causa da liberação da seguradora da carga “Enquanto a seguradora não veio fazer a vistoria da carga, não podia remover o caminhão do local, e como é feriado a demora foi grande”, fala o caminhoneiro.

Segundo Rubens a carreta tombou por que o asfalto da Avenida possui um desnível, e a carga muito alta e pesada facilitou para que isso ocorresse “Não estava correndo, estava a 5 Km/H fazendo a conversão quando o caminhão pesou e tombou”, explica Rubens

O motorista que é de Cuiabá estava levando a carga de 48,220 toneladas de algodão para Cubatão, interior de São Paulo. Agora o motorista reclama do prejuízo com o caminhão “A carga está intacta, mas o prejuízo com o caminhão vai ficar em torno de 25 a 30 mil reais”.

Jornal Midiamax