Geral

Vietnã alerta para risco de propagação do vírus H7N9

As autoridades do Vietnã alertaram para o risco de propagação do vírus H7N9, da gripe aviária, na fronteira com a China, onde a doença já provocou 22 mortes em 2014, informou a imprensa local. Tran Duc Phu, chefe do Departamento de Saúde Preventiva do Ministério da Saúde do Vietnã, explicou que várias aves de capoeira […]

Arquivo Publicado em 06/02/2014, às 09h59

None

As autoridades do Vietnã alertaram para o risco de propagação do vírus H7N9, da gripe aviária, na fronteira com a China, onde a doença já provocou 22 mortes em 2014, informou a imprensa local.


Tran Duc Phu, chefe do Departamento de Saúde Preventiva do Ministério da Saúde do Vietnã, explicou que várias aves de capoeira (cesto de varas usado para carregá-las) tiveram resultado positivo no teste do H7N9, na província de Guang Xi, que tem 253 quilômetros de fronteira com a província vietnamita de Lang Son.


“A epidemia pode entrar no Vietnã a qualquer momento, já que há grande volume de pessoas e bens, incluindo aves de capoeira, que cruzam a fronteira entre os dois países diariamente”, disse ele.


Em nota conjunta com várias agências das Nações Unidas, o ministério confirma o aumento do risco de contágio para humanos e aves e recomenda que sejam evitadas viagens às áreas afetadas.


Apesar do alerta, o Vietnã não registou, até agora, qualquer caso de H7N9. Outro tipo da gripe das aves, o H5N1, já causou pelo menos duas mortes este ano no Vietnã.

Jornal Midiamax