Geral

Suspeito estava de licença médica e por isso ficava com enteados

Fernando Floriano Duarte, de 33 anos, trabalhava como auxiliar de produção em uma fábrica de refrigerantes localizada na região sul de Campo Grande. Ele estava afastado por causa de uma lesão no joelho. “Estou com um problema de saúde e por isso fiquei em casa cuidando das crianças”, explica o homem que foi preso nesta […]

Arquivo Publicado em 19/09/2014, às 12h36

None

Fernando Floriano Duarte, de 33 anos, trabalhava como auxiliar de produção em uma fábrica de refrigerantes localizada na região sul de Campo Grande. Ele estava afastado por causa de uma lesão no joelho. “Estou com um problema de saúde e por isso fiquei em casa cuidando das crianças”, explica o homem que foi preso nesta quinta-feira (18), suspeito de espancar os enteados de 6 e 2 anos e meio, além de estuprar a bebê.


Ele disse que não ingeriu bebidas alcoólicas ontem e que não precisava de tratamento psicológico. “O único tratamento que faço é para o joelho, isso é invenção do povo”, alega.

Jornal Midiamax