Geral

Professor Monje diz que aposta nos eleitores indecisos para alavancar candidatura

Conquistar os votos dos indecisos é a meta do candidato ao governo do Estado pelo PSTU, Professor Monje. Segundo a pesquisa DATAmax, os índices de votos brancos e nulos representam 11,30%. Monje manteve o índice de 0,30%. “A perspectiva é lutar pelos votos dessas pessoas, que representam o número de pessoas que estão descontentes com […]

Arquivo Publicado em 12/09/2014, às 11h47

None
1312886766.JPG

Conquistar os votos dos indecisos é a meta do candidato ao governo do Estado pelo PSTU, Professor Monje. Segundo a pesquisa DATAmax, os índices de votos brancos e nulos representam 11,30%. Monje manteve o índice de 0,30%.

“A perspectiva é lutar pelos votos dessas pessoas, que representam o número de pessoas que estão descontentes com a política”, ressalta. Ainda segundo Monje, a intenção é reverter o quadro e tentar alavancar a candidatura nesta reta final.

De acordo com a pesquisa, Delcídio do Amaral (PT) tem 42,5% das intenções de voto, enquanto Reinaldo Azambuja (PSDB) segue na segunda colocação com 19,9% e Nelsinho Trad (PMDB) com 19,1%.

“O que temos acompanhado nos programas eleitorais é que é a mesma promessa de sempre, a população não conseguiu discernir que é ‘mais do mesmo’”, pontuou.

Além de tentar conquistar os votos dos indecisos, Monje afirma que, antes de qualquer resultado de pesquisa, deve aguardar os próximos acontecimentos com relação a suposta denúncia de corrupção na Petrobras. “É um caso gravíssimo e se for confirmado deve repercutir por aqui”.

Foram entrevistados 1.500 eleitores em 38 municípios do eleitorado sul-mato-grossense, entre 6 e 10 de setembro. A pesquisa foi registrada no TRE-MS (00034/2014) e apresenta margem de erro de 2,5%, para mais ou para menos. O grau de confiança é de 95%.

Jornal Midiamax