Geral

Menina de 10 anos é agredida e tem cabelos arrancados por cinco em escola de MS

Uma mulher de 29 anos procurou a Delegacia de Polícia de Rio Verde na tarde desta terça-feira (8), para registrar uma agressão que a filha teria sofrido na escola em que frequenta, denunciando também a direção do colégio por não ter tomado nenhuma atitude a respeito do fato. Conforme consta no registro policial, a comunicante […]

Arquivo Publicado em 08/04/2014, às 22h53

None

Uma mulher de 29 anos procurou a Delegacia de Polícia de Rio Verde na tarde desta terça-feira (8), para registrar uma agressão que a filha teria sofrido na escola em que frequenta, denunciando também a direção do colégio por não ter tomado nenhuma atitude a respeito do fato.

Conforme consta no registro policial, a comunicante informou à polícia que sua filha teria sido agredida na manhã de hoje dentro da escola estadual em que ela estuda, por outra aluna que cursa o 5º ano matutino, a qual com a ajuda de mais quatro amigas, teriam agredido e arrancado os cabelos de sua filha.

Na Delegacia de Polícia, a comunicante também denunciou a escola por não ter tomado nenhuma providência em relação ao ocorrido, como tê-la avisado. A comunicante informou ainda que teria conversado com a coordenadora e ela disse que a escola não tem este tipo de norma em ligar e avisar a mãe da aluna.

Diante dos fatos, o caso foi registrado em ata na escola estadual e também na Delegacia de Polícia, para as providências de praxe.

Jornal Midiamax