Geral

Legisladores noruegueses indicam Snowden para o Nobel da Paz

Dois legisladores norueguês disseram nesta quarta-feira (29) que indicaram conjuntamente o ex-prestador de serviço da Agência Nacional de Segurança dos EUA (NSA na sigla em inglês) Edward Snowden para o Prêmio Nobel da Paz de 2014. O deputado socialista Baard Vegard Solhjell, ex-ministro do Meio Ambiente, e Snorre Valen afirmaram que o debate público e […]

Arquivo Publicado em 29/01/2014, às 14h54

None

Dois legisladores norueguês disseram nesta quarta-feira (29) que indicaram conjuntamente o ex-prestador de serviço da Agência Nacional de Segurança dos EUA (NSA na sigla em inglês) Edward Snowden para o Prêmio Nobel da Paz de 2014.

O deputado socialista Baard Vegard Solhjell, ex-ministro do Meio Ambiente, e Snorre Valen afirmaram que o debate público e as mudanças das políticas “na esteira das revelações de Snowden contribuíram para uma ordem mundial mais estável e pacífica.”

Ser indicado ao prêmio apenas significa que Snowden será um dos nomes que o comitê do Nobel irá considerar para o prêmio.

Os cinco responsáveis por escolher o vencedor do prêmio não confirmam quem concorre ao Nobel da Paz, mas as pessoas que fazem as indicações podem torná-las públicas.

Os responsáveis por fazer as indicações, geralmente membros de governos nacionais, professores universitários e vencedores de anos anteriores, devem apontar seus nomes favoritos até o dia 1º de fevereiro.

O comitê do Nobel pode acrescentar novos candidatos ao prêmio durante a primeira reunião após a data final de indicações.

Snowden já havia sido indicado ao Nobel da Paz no ano passado, indicado por um professor sueco de sociologia. Em uma carta, Stefan Svallfors afirmou que o americano “em um esforço heróico com altos custos pessoais revelou a existência e a dimensão da vigilância que o governo dos EUA dedica às comunicações eletrônicas em todo o mundo, em violação das leis nacionais e dos acordos internacionais.”

A Opaq (Organização para a Proibição de Armas Químicas) foi a vencedora do Nobel da Paz 2013. A entidade está coordenando, junto a ONU (Organização das Nações Unidas), a destruição do arsenal de armas químicas da Síria em meio à guerra civil no país.

Jornal Midiamax