Geral

Estado de saúde de vítima de tentativa de execução é delicado

O estado de saúde do adolescente de 17 anos que foi vítima de execução na noite de ontem é delicado. Ele foi atingido por tiros quando estava na companhia de amigos na Rua Barreiras, em uma praça, próximo do Terminal das Moreninhas, em Campo Grande.  De acordo com a assessoria da Santa Casa, o jovem […]

Arquivo Publicado em 25/03/2014, às 11h03

None

O estado de saúde do adolescente de 17 anos que foi vítima de execução na noite de ontem é delicado. Ele foi atingido por tiros quando estava na companhia de amigos na Rua Barreiras, em uma praça, próximo do Terminal das Moreninhas, em Campo Grande. 

De acordo com a assessoria da Santa Casa, o jovem deu entrada no hospital a 0h27 de hoje, e está em observação. Por conta de os tiros terem  atingido o tórax, o estado dele é delicado e por isso, ainda não passou por cirurgia. 
ENTENDA O CASO 
Uma rixa entre gangues pode ser o motivo da tentativa de execução ocorrida contra um adolescente de 17 anos, na noite de ontem, por volta das 22h30, em Campo Grande. O jovem chegou a ser socorrido para o posto de saúde do bairro Moreninhas, mas por conta da gravidade dos ferimentos, ele foi encaminhado para a Santa Casa. 
Ele estava acompanhado por um grupo de amigos, quando perceberam um  Uno, de cor vermelha, ocupado por outras quatro pessoas  olhando para eles. De dentro do carro, eles dispararam contra a vítima, que foi atingida. 
Em seguida, os suspeitos fugiram do local. Já o jovem foi socorrido pelos amigos. 
A vítima diz acreditar que a tentativa de homicídio tenha sido provocada por “desafetos” do bairro Mário Covas. Além disso, o adolescente tem diversas passagens por crimes como roubos e já esteve internado na Unei (Unidade Educacional de Internação).
Jornal Midiamax