Geral

“Esse ano eu vou voltar para televisão. Isso é certeza”, diz Gugu Liberato

Em entrevista ao programa “Morning Show”, da RedeTV!, Gugu Liberato afirmou que voltará para televisão em 2014. “Esse ano eu vou voltar para televisão. Isso é certeza. Eu quero voltar com uma proposta que seja um desafio para mim também. Sempre tive desafios na vida, nesses trintas e tantos anos de carreira. Já fiz programa […]

Arquivo Publicado em 24/02/2014, às 21h18

None

Em entrevista ao programa “Morning Show”, da RedeTV!, Gugu Liberato afirmou que voltará para televisão em 2014. “Esse ano eu vou voltar para televisão. Isso é certeza. Eu quero voltar com uma proposta que seja um desafio para mim também. Sempre tive desafios na vida, nesses trintas e tantos anos de carreira. Já fiz programa de terça-feira, programa de sábado, fiz programas aos domingos e todos eles foram grandes desafios”, declarou o apresentador.

“Nós não sabemos ainda para onde iremos. Pode ser no SBT, pode ser até na RedeTV!, pode ser na Record. A gente tem um projeto profissional. Eu tenho estúdios próprios e eles estavam ocupados por uma companhia aérea que ficou lá muitos anos. Agora que eles nos devolveram, estamos recompondo toda parte de iluminação e som. Gostaria de fazer os meus programas nos estúdios, se for possível, se não for, vou usar os estúdios da emissora mesmo. Mas, a gente ainda na sabe para onde vai”, complementou.

Gugu comentou sobre a relação com a irmã e relembrou momentos marcantes de sua trajetória profissional. “Um programa que foi muito marcante para mim, porque foi o meu começo, foi a ‘Sessão Premiada’. Isso foi muito marcante para mim, pois eu tinha 20 e poucos anos e fazia faculdade. Saia correndo da faculdade para apresentar a ‘Sessão Premiada’. Isso foi muito marcante. Depois veio o ‘Viva Noite’ que, para mim, foi a grande explosão de audiência, porque dávamos mais de 30 pontos”.

Segundo o colunista do UOL, Ricardo Feltrin, o apresentador pretende produzir e vender programas para TV paga. Gugu está a quase um ano afastado das câmeras, desde quando deixou a Record, em junho de 2013.

Jornal Midiamax