O vereador Edil Albuquerque (PMDB) disse, por telefone que não sabia da liminar da 2ª Vara de Direitos Difusos e Coletivos que ordena a recondução de Alcides Bernal (PP) ao cargo de Prefeito de Campo Grande.

Com a cassação de Bernal, em março deste ano, Edil assumiu a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Turismo e Agronegócio (Sedesc).

Com isso, Magali Picarreli (PMDB) assumiu a vaga de suplente deixada por ele na câmara. “Vou procurar saber, mas acho que a Câmara vai recorrer”, disse por telefone.