Geral

Curso gratuito de programador de Web do Senac tem inscrições abertas

Jovens de 17 anos até 24 anos participar do processo seletivo para o curso gratuito de programador Web, que faz parte do Programa Fábrica de Software – Por um varejo mais competitivo. Os interessados no curso, oferecido pelo Senac/MS (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial em MS), têm até 17 de julho de 2014 para realizar […]

Arquivo Publicado em 26/06/2014, às 11h11

None

Jovens de 17 anos até 24 anos participar do processo seletivo para o curso gratuito de programador Web, que faz parte do Programa Fábrica de Software – Por um varejo mais competitivo. Os interessados no curso, oferecido pelo Senac/MS (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial em MS), têm até 17 de julho de 2014 para realizar a inscrição.

São 20 vagas que devem ser preenchidas pelos candidatos melhores classificados na seletiva. O candidato precisa morar em Campo Grande, ter renda familiar per capita de até dois salários mínimos, cursar, no mínimo, o 2° ano do ensino médio ou a 2° fase da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Além disso, o candidato tem que tiver conhecimentos em informática básica e idade ente 17 e 27 anos.

Inscrições

As inscrições para participar da seleção devem ser feitas na unidade do Senac em Campo Grande, localizada na Rua Francisco Cândido Xavier, n° 75, Centro. Jovens com menos de 18 anos deve comparecer à unidade com um responsável.

O processo seletivo será composto por análise da ficha cadastral, prova escrita de múltipla escolha e entrevista. Os 20 melhores colocados no processo poderão se matricular no curso. A prova de seleção será realizada no dia 26 de julho, às 14 horas, no Senac Campo Grande, com duração de até três horas. O resultado será disponibilizado no site do Senac, em 1° de agosto e o resultado final em 27, do mesmo mês. As aulas terão início em 8 de setembro.

Gratuidade

O curso é oferecido por meio do Programa Senac de Gratuidade, que disponibiliza qualificação profissional para pessoas cuja renda familiar mensal per capita não ultrapasse dois salários mínimos, esteja matriculado ou tenha concluído a educação básica e trabalhadores – empregados ou desempregados.

Jornal Midiamax