Geral

Campanha contra H1N1 continua para grávidas, doentes crônicos e abre para crianças de 5 a 9 anos

A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública) dará continuidade à Campanha contra H1N1 para os grupos que não atingiram a meta de 80% estabelecidos pelo Ministério da Saúde. Grávidas, população com comorbidade (com hipertensão, rinite, alergia e outras doenças) e, nessa etapa, crianças de cinco anos a menores de dez anos devem procurar uma Unidade […]

Arquivo Publicado em 06/06/2014, às 22h44

None

A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública) dará continuidade à Campanha contra H1N1 para os grupos que não atingiram a meta de 80% estabelecidos pelo Ministério da Saúde. Grávidas, população com comorbidade (com hipertensão, rinite, alergia e outras doenças) e, nessa etapa, crianças de cinco anos a menores de dez anos devem procurar uma Unidade Básica de Saúde e garantir a imunização contra a Gripe H1N1. A vacinação para essa população será de 9 a 15 de junho nas Unidades Básicas de Saúde.

A decisão é da Diretoria e Coordenadoria de Vigilância em Saúde e Serviço de Imunização da Sesau que, preocupada com a baixa
procura pela imunização, pretende reduzir os casos de gripe nessa época do ano. “É importante lembrar que esses grupos foram
priorizados pois são considerados mais vulneráveis às complicações causadas pela gripe”, diz a médica e diretora de Vigilância em Saúde, Márcia DalFabro. Ela lembra ainda que a vacina só tem efeito 15 dias após a aplicação e a imunização tem de ser garantida antes da chegada do inverno.

Todas as pessoas devem estar portando a carteirinha de vacinação e o prontuário do SUS ao se vacinar. As pessoas com doenças crônicas, como diabetes e hipertensão, devem apresentar prescrição médica quando forem se vacinar. Quem já é cadastrado em programas de controle das doenças crônicas do SUS deve se dirigir aos postos em que estão cadastrados para receberem a vacina.

vacina está disponível nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) das 7h às 11h e das 13h às 17h, de segunda a sexta-feira.

Imunização – a vacina protege contra três subtipos do vírus da gripe (A/H1N1; A/H3N2 e influenza B). A criação de anticorpos contra
a doença ocorre entre duas e três semanas após a aplicação da dose e por isso a campanha de vacinação é marcada para antes do
inverno, quando acontece a maior circulação da gripe.

Jornal Midiamax