Geral

Brasil faz 2 a 1 contra Camarões no primeiro tempo, em Brasília

A seleção brasileira, finalmente, se apresentou melhor do que nos dois primeiros jogos, mas ainda com falhas principalmente nas laterais. O início foi tenso, com Nyom empurrando Neymar, mas o craque brasileiro, aos 19 minutos, deu a resposta e, depois de Luiz Gustavo roubar a bola e fazer um ótimo lançamento na área, marcou o […]

Arquivo Publicado em 23/06/2014, às 20h03

None

A seleção brasileira, finalmente, se apresentou melhor do que nos dois primeiros jogos, mas ainda com falhas principalmente nas laterais. O início foi tenso, com Nyom empurrando Neymar, mas o craque brasileiro, aos 19 minutos, deu a resposta e, depois de Luiz Gustavo roubar a bola e fazer um ótimo lançamento na área, marcou o primeiro gol do Brasil, levando a torcida ao delírio no Mané Garrincha.

A festa durou menos de dez minutos, quando Myom passou por Daniel Alves e, dos pés de Matip a bola foi enviada para o fundo das redes. A apreensão da torcida brasileira com o empate, no entanto, durou pouco: aos 35 minutos, Neymar recebeu e chutou na entrada da área, sem chances para o goleiro camaronês.

O jogo desta segunda-feira (23) é o terceiro da Copa em Brasília e o terceiro recorde de público da história do Mané Garrincha. Depois de receber 68.351 torcedores no jogo entre a Suíça e o Equador, no dia 15 de junho, e 68.748 pessoas na partida entre a Colômbia e a Costa do Marfim, no dia 19, a estimativa preliminar de público hoje é 69.349.

O jogo de hoje foi a centésima partida do Brasil em Copas. O árbitro sueco Jonas Eriksson apita a partida, auxiliado pelos bandeiras também suecos Mathias Klasenius e Daniel Warnmark. Camarões entrou em campo com Itandjé, Nyom, N’Koulou, Matip, Bedimo, Mbia, Nguemo, Enoh, Aboubakar, Moukandjo e Choupo-Moting. O Brasil com Julio César, Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz, Marcelo, Luiz Gustavo, Paulinho, Oscar, Hulk, Neymar e Fred.

Jornal Midiamax