Geral

Após perseguição, acusado de furto morre de insuficiência respiratória

Um adolescente de 16 anos, identificado como Bruno Gabriel, veio a óbito ontem (7), após passar mal na Delegacia de Polícia para onde foi conduzido após intensa perseguição policial em Anaurilândia – distante 366 quilômetros de Campo Grande. Ele é acusado de atuar no furto de motocicletas naquela região. Após obter informações de que vários […]

Arquivo Publicado em 08/01/2014, às 13h01

None

Um adolescente de 16 anos, identificado como Bruno Gabriel, veio a óbito ontem (7), após passar mal na Delegacia de Polícia para onde foi conduzido após intensa perseguição policial em Anaurilândia – distante 366 quilômetros de Campo Grande. Ele é acusado de atuar no furto de motocicletas naquela região.


Após obter informações de que vários jovens suspeitos de praticar furto de motos estavam na cidade, a Polícia Militar de Anaurilândia iniciou patrulhamento em várias regiões, até que localizou Bruno Gabriel que, ao avistar a viatura, tentou fugir pulando muros de residência e entrando em terrenos baldios.


Os policiais emitiam ordem de parada e chegaram a efetuar disparos de advertência, porém o suspeito se recusava a parar, até que, já exausto, ele caiu ao solo e foi dominado pelos militares que o encaminharam para a Delegacia de Polícia.


Na unidade policial, após confessar os crimes, Bruno, que já possuía diversas passagens pela polícia, começou a passar mal, sendo encaminhado às pressas para o Hospital Sagrado Coração de Jesus, onde foi internado, mas não resistiu e veio a óbito. A morte do adolescente foi diagnosticada como insuficiência respiratória.


Apesar da morte do rapaz, a Polícia Militar deu sequência à operação e conseguiu apreender outros três adolescentes, que também teriam envolvimento com crimes praticados na região de Anaurilândia.

Jornal Midiamax