Geral

Idosos reclamam de uso de centro de convivência Vovó Ziza para outros fins

A utilização do espaço do CMRCI (Centro de Multiplas Referências de Convivência do Idoso) “Vovó Ziza”, no bairro Tiradentes em Campo Grande,  para outros fins gerou reclamações por parte dos usuários do programa desenvolvido pela SAS (Secretaria Municipal de Assistência Social). “Quando acontecem outras atividades eles dispensam todos os idosos para irem de um canto […]

Arquivo Publicado em 31/10/2013, às 20h35

None

A utilização do espaço do CMRCI (Centro de Multiplas Referências de Convivência do Idoso) “Vovó Ziza”, no bairro Tiradentes em Campo Grande,  para outros fins gerou reclamações por parte dos usuários do programa desenvolvido pela SAS (Secretaria Municipal de Assistência Social).


“Quando acontecem outras atividades eles dispensam todos os idosos para irem de um canto para outro e a coisa acaba se desfazendo”, afirma uma idosa que preferiu não ter o nome revelado.


Conforme a aposentada, neste ano o espaço foi utilizado diversas vezes para outras atividades. “No ano passado, eles desenvolviam isto, mas nos fins de semana e não atrapalhava a programação do centro de convivência”, relata. De acordo com ela, nesta quinta-feira (31), as atividades foram suspensas.


A assessoria de imprensa da Prefeitura informou que o espaço pertence à SAS e que hoje, está sendo realizado um evento com as entidades assistenciais. Para que as entidades entendam como investir e prestar contas dos recursos obtidos por meio de convênio com a SAS.


De acordo com a assessoria, os frequentadores do local foram avisados deste evento há um mês. Para que eles não ficassem sem atividades, os idosos foram levados ao Parque Jacques da Luz na parte da manhã, para fazer as atividades. Eles também foram convidados para visitar outros centros de convivência de idosos do município.

Jornal Midiamax