A Fundação de Cultura do governo do Estado levará peças da arte sul-mato-grossense para a 24ª edição da Feira Nacional de Artesanato, que será realizada entre os dias 3 a 8 de dezembro, em Belo Horizonte.

As entidades Artems, Proart, Sinart, Unearte, Fenart, API e Incubadora Municipal Zé Pereira, além de núcleos artesanais dos municípios do interior que receberam a capacitação do projeto Artesania representarão cerca de 300 artesãos sul-mato-grossenses na feira.

“É preciso aproveitar todas as oportunidades em âmbito nacional e internacional para mostrar a arrojada produção artesanal de Mato Grosso do Sul. O governo do Estado está empenhado neste propósito por acreditar que essas participações geram dividendos extremamente positivos para os milhares de artesãos sul-mato-grossenses”, destacou Américo Calheiros, presidente da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul.

A 24ª Feira Nacional de Artesanato ocupará uma área de 23 mil metros quadrados. São 1,1 mil estandes com30 mil itens vindos de todos os estados brasileiros produzidos por cerca de oito mil artesãos expositores. São esperados mais de 200 mil visitantes.

O evento mantém o seu objetivo de promover o artesanato brasileiro e fazer com que cada vez mais artesãos possam ter melhoria na qualidade de vida através da renda gerada pelo trabalho artesanal.

Serviço: A 24ª Feira Nacional do Artesanato acontece de 3 a 8 de dezembro no Expominas, que fica na Avenida Amazonas, 6030, no bairro Gameleira, em Belo Horizonte.