Geral

Edenílson acerta salários com clube da Itália e espera aval do Corinthians

Procurado por um clube italiano “de médio porte”, Edenílson gostou da proposta e acertou os salários que receberá em caso de acerto. Agora, o Corinthians aguarda a oficialização da oferta, que giraria em torno dos 5 milhões de euros (cerca de R$ 16, 1 milhões), para resolver o caso e vender o jogador. A negociação […]

Arquivo Publicado em 18/12/2013, às 19h30

None

Procurado por um clube italiano “de médio porte”, Edenílson gostou da proposta e acertou os salários que receberá em caso de acerto. Agora, o Corinthians aguarda a oficialização da oferta, que giraria em torno dos 5 milhões de euros (cerca de R$ 16, 1 milhões), para resolver o caso e vender o jogador.

A negociação foi confirmada pelo empresário Jorge Machado. De acordo com ele, o lateral direito gostou do que lhe foi oferecido – um ganho mensal bem superior ao recebido por ele no clube do Parque São Jorge, que lhe deu um aumento não faz muito tempo.

“É uma proposta boa. O Edenílson acha que seria uma situação boa. Apesar de o Corinthians ter reconhecido o trabalho dele, o futebol brasileiro não consegue competir com a Europa em salários”, disse Machado, em entrevista à Rádio Bandeirantes.

A diretoria alvinegra reajustou a grana paga ao lateral no meio do ano, quando ele foi alvo de interesse do futebol alemão. Na ocasião, o presidente Mário Gobbi disse que não pretendia se desfazer dele nem de Romarinho – outro que gerava interesse do exterior – porque os dois chegariam à Seleção Brasileira.

A situação mudou com o mau segundo semestre do Corinthians. E a ideia de contratar o lateral direito Rafinha, do Bayern de Munique, aliada ao bom dinheiro que lhe é oferecido, fez Edenílson julgar que chegou a hora de partir. O jogador, que chegou ao clube em 2010 como meio-campista, completou 24 anos nesta quarta.

Jornal Midiamax