Geral

Economias emergentes se preocupam com contágios monetários

As economias do G20 irão expressar a necessidade de coordenação e previsibilidade de estímulos monetários, em comunicado emitido após a reunião dos ministros das Finanças e membros de bancos centrais em Moscou, disse o ministro das Finanças da Rússia. “O comunicado vai refletir a necessidade de esforços coordenados e de previsibilidade das políticas de quantitative […]

Arquivo Publicado em 19/07/2013, às 13h08

None

As economias do G20 irão expressar a necessidade de coordenação e previsibilidade de estímulos monetários, em comunicado emitido após a reunião dos ministros das Finanças e membros de bancos centrais em Moscou, disse o ministro das Finanças da Rússia.


“O comunicado vai refletir a necessidade de esforços coordenados e de previsibilidade das políticas de quantitative easing (programa de compra de títulos)”, disse Anton Siluanov nesta sexta-feira, após se reunir com autoridades dos Brics.


“Os efeitos de contágio continuam sendo um assunto de grande importância”, disse ele.


O grupo dos Brics é composto pelo Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

Jornal Midiamax