Geral

Duas pessoas são mortas em frente ao partido neonazista grego

Segundo informações da polícia de Atenas, duas pessoas morreram e uma ficou ferida após tiros serem disparados por dois homens em uma moto diante da sede do Aurora Dourada, partido neonazista, na última sexta-feira (1º). As duas vítimas, de 22 e 25 anos, foram mortas em frente ao partido, na avenida Néo Iraklio, oeste de […]

Arquivo Publicado em 02/11/2013, às 13h54

None

Segundo informações da polícia de Atenas, duas pessoas morreram e uma ficou ferida após tiros serem disparados por dois homens em uma moto diante da sede do Aurora Dourada, partido neonazista, na última sexta-feira (1º).


As duas vítimas, de 22 e 25 anos, foram mortas em frente ao partido, na avenida Néo Iraklio, oeste de Atenas. Membros do Aurora Dourada afirmaram à imprensa grega que as vítimas eram seguranças do local.


Agentes do serviço antiterrorista foram enviados para o bairro de Neo Heraklion, onde ocorreu o incidente, e isolaram a área.


Segundo testemunhas, os assassinos pararam a moto nas proximidades do partido, andaram até o local e abriram fogo contra as vítimas a uma distância inferior a um metro. Em seguida, fugiram de moto.


Os dois jovens mortos receberam três disparos cada, na cabeça e no tórax. Um morreu no local e o outro enquanto era atendido no hospital, informou uma fonte do ministério da Saúde.


Um terceiro jovem ferido no ataque foi levado a um hospital, onde estava sendo operado, revelou a mesma fonte.


Em um comunicado na Internet, o Aurora Dourada denuncia a rejeição do governo em dar “uma proteção policial ao partido, apesar das ameaças” que pesam sobre seus militantes.


Esse incidente ocorre poucas semanas após a denúncia contra seis membros do Aurora Dourada, incluindo seu líder e fundador, por participação em organização criminosa, como parte de uma ofensiva contra o partido depois do assassinato de um músico esquerdista por um de seus membros.

Jornal Midiamax