Geral

Contribuinte que não recebeu carnês do IPTU e do IPVA deve retirar 2ª via

O contribuinte de Campo Grande que ainda não recebeu o boleto do IPTU 2013 (Imposto Predial e Territorial Urbano) para o pagamento à vista ou a primeira parcela, com vencimento no dia 15 de fevereiro poderá obter a segunda via do imposto no site da prefeitura (http://www.capital.ms.gov.br/IPTU2013) ou no Paço Municipal, na Central de Atendimento […]

Arquivo Publicado em 24/01/2013, às 15h02

None

O contribuinte de Campo Grande que ainda não recebeu o boleto do IPTU 2013 (Imposto Predial e Territorial Urbano) para o pagamento à vista ou a primeira parcela, com vencimento no dia 15 de fevereiro poderá obter a segunda via do imposto no site da prefeitura (http://www.capital.ms.gov.br/IPTU2013) ou no Paço Municipal, na Central de Atendimento ao Cidadão. Quem optar por tirar a 2ª via na prefeitura receberá a conta no 3º dia útil após a solicitação, de acordo com as informações da assessoria de imprensa.

Os carnês começaram a ser entregues no dia 2 de janeiro e a previsão é de que os contribuintes os recebessem até o dia 21. Quem não recebeu pode estar com o endereço desatualizado.

A prefeitura emitiu 341.018 boletos, desses 232.564 são cobranças prediais e 108.454 são territoriais. Com o valor zero de reajuste, a receita prevista com o imposto é de R$ 200 milhões.

Além do IPTU, os contribuintes começam a pagar em janeiro o IPVA 2013 (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores).

O IPVA teve redução média de 11,42% em Mato Grosso do Sul, de acordo com a Sefaz (Secretaria Estadual de Fazenda). No total, foram impressos 744.632 carnês que foram entregues pelos Correios aos contribuintes no mês de dezembro. Os valores dos tributos chegam a R$ 255 milhões.

Quem não recebeu o carnê do IPVA deve procurar uma agência fazendária ou do Detran ou também pode acessar o boleto no endereço eletrônico www.sefaz.ms.gov.br .

De acordo com a Sefaz, o imposto pode ser pago à vista ou em três parcelas iguais. Para o pagamento em parcela única, o prazo é até 31 de janeiro e o contribuinte terá 10% de desconto. Se for parcelado, a primeira parte deve ser paga também até o dia 31 e as outras duas vencem em 28 de fevereiro e 27 de março de 2013.

Jornal Midiamax