Geral

Valcke põe em dúvida Copa das Confederações em 6 cidades

O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, e representantes do Comitê Organizador Local (COL) visitaram nesta terça-feira o Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, e vistoriaram o andamento das obras. Apesar de demonstrar satisfação com o avanço e o andamento da arena mineira, Valcke colocou em dúvida a realização da Copa das Confederações de 2013 em […]

Arquivo Publicado em 16/10/2012, às 15h59

None

O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, e representantes do Comitê Organizador Local (COL) visitaram nesta terça-feira o Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, e vistoriaram o andamento das obras. Apesar de demonstrar satisfação com o avanço e o andamento da arena mineira, Valcke colocou em dúvida a realização da Copa das Confederações de 2013 em seis cidades, conforme planejado inicialmente.


“Neste momento, não estamos no nível de ter seis estádios prontos para a Copa das Confederações. Temos menos. Precisamos dos estádios prontos para preparar os eventos-testes. E, por isso, precisamos discutir os atrasos”, disse Valcke, ao lado do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, após vistoriar as obras do Mineirão.


Durante a visita, o secretário-geral da Fifa parabenizou os responsáveis pela obra do Mineirão e elogiou o cumprimento do cronograma. Ao lado de Aldo Rebelo, do diretor de operações do COL, Ricardo Trade, do governador do Estado, Antonio Anastasia, e do prefeito Marcio Lacerda, Valcke realizou a inspeção em Minas e ressaltou que o foco agora é discutir os detalhes das situações de cada obra para que elas possam ser aceleradas para a Copa das Confederações, que será realizada entre os dias 15 e 30 de junho de 2013. “Para a Copa do Mundo está tudo bem. Mas é uma situação que tem que ser enfrentada até lá”, disse Valcke.


O estádio de Recife é o que mais preocupa entre as seis sedes previstas para a competição do ano que vem. De acordo com a construtora responsável pela obra, 64% da construção está concluída, a oito meses da Copa das Confederações. Ao lado de Fortaleza, Belo Horizonte é a sede com as obras nos estádios mais avançadas, com mais de 84% de conclusão.


Segundo o governo de Minas, o Mineirão será entregue pelo consórcio no dia 21 de dezembro de 2012. A obra já conta com 99% dos pré-moldados instalados. As arquibancadas e o piso do estacionamento coberto também estão muito próximos de serem concluídos.


O diretor de operações do COL, Ricardo Trade, ressaltou a importância da conclusão das obras no prazo estabelecido. “O prazo para os estádios ficarem prontos é entre março e abril de 2013. A previsão é de que sejam realizados eventos-testes nos estádios durante este período. Se o estádio não estiver pronto, dentro do prazo estabelecido para os eventos-testes, ele não estará na Copa das Confederações”, disse, Trade, sem citar os estádios que estão mais atrasados.


O ministro Aldo Rebelo também não deu garantias de haver seis estádios prontos para a Copa das Confederações. “Nós não temos nenhum estádio pronto para a Copa das Confederações. Nós temos prazos. Aqueles que conseguirem cumprir os prazos, serão sede. Aqueles que não conseguirem cumprir, não serão sede da Copa das Confederações”, disse o ministro.

Jornal Midiamax