Geral

Repórter encontra objetos que podem pertencer a assassino de Dourados

Foram encontrados no início da tarde desta terça-feira, em uma mata localizada aos fundos da Escola Municipal Weimar Gonçalves Torres, em Dourados, o capacete e um par de tênis que podem pertencer ao homem que matou Roberto Nildo dos Santos Oliveira, de 38 anos, na noite de ontem, no Parque do Lago I. O repórter […]

Arquivo Publicado em 05/09/2012, às 13h43

None
653063419.jpg

Foram encontrados no início da tarde desta terça-feira, em uma mata localizada aos fundos da Escola Municipal Weimar Gonçalves Torres, em Dourados, o capacete e um par de tênis que podem pertencer ao homem que matou Roberto Nildo dos Santos Oliveira, de 38 anos, na noite de ontem, no Parque do Lago I.


O repórter policial Sidnei Lemos Bronka, disse que recebeu uma denúncia anônima que dava a exata localização dos pertences e dirigiu-se ao local, onde comprovou a veracidade dos fatos. Lá havia um capacete vermelho, um par de tênis branco e meias azuis.


“Parece que o individuo estava correndo e acabou sendo surpreendido ao cair num brejo que existe atrás da escola. Acredito que por isso, ele tenha retirado os calçados e se livrado do capacete para conseguir fugir. A área é bem próxima de onde o crime foi registrado”, explicou o repórter.


O SIG (Serviço de Investigações Gerais) da Polícia Civil foi acionado e se deslocou à área acompanhado da perícia técnica. Ainda de acordo com Bronka, os objetos estavam em meio a vegetação. “Parece que o sujeito não quis ser identificado e tentou esconder tudo debaixo de uma árvore”, destacou.


CRIME


Por volta de 20h30 da segunda-feira (3), Nildo chegou a sua residência em uma moto Honda CG Titan, acompanhado de um desconhecido que estava na garupa. Após estacionar e abrir o portão, ele acabou sendo atingido no peito e no braço esquerdo por disparos efetuados pelo individuo.

Jornal Midiamax