Geral

PT lança campanha de Vander Loubet e garante que leva eleição para o segundo turno

O partido acredita que está acertando em sua estratégia e que a pulverização das candidaturas contribuirá para que o PT chegue ao 2º turno

Arquivo Publicado em 22/07/2012, às 18h07

None
725486341.jpg

O partido acredita que está acertando em sua estratégia e que a pulverização das candidaturas contribuirá para que o PT chegue ao 2º turno

A cada início de discurso uma rajada de fogos de artifícios. Foi assim que os petistas marcaram o lançamento da campanha do deputado federal Vander Loubet a prefeito de Campo Grande, em evento realizado  na manhã deste domingo (22), na sede da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul).


O evento contou com a presença do presidente nacional do PT, Rui Falcão, do estadual, Marcus Garcia e da municipal, Adenete Pereira de Moura, além de lideranças estaduais e militantes.


Na abertura do evento, o deputado federal e coordenador da campanha, Antônio Carlos Biffi, ressaltou que o partido está trabalhando para ser o primeiro no Brasil e em Mato Grosso do Sul. “Estamos dando o ponta pé inicial desta campanha que será vitoriosa em Campo Grande”.


O senador Delcídio do Amaral enfocou a participação da militância e em especial dos candidatos a vereadores.


Kemp acredita na experiência que Vander adquiriu durante o governo Zeca do PT e na Câmara Federal. “Temos certeza que fará uma ótima administração alinhada com o Governo Federal”, avaliou.


Candidato


Aparentemente emocionado, o deputado federal Vander Loubet reafirmou o seu compromisso. “Não sou candidato para mim mesmo, mas para representar um projeto”.


Vander lembrou que sua candidatura é marcada pelo consenso dentro do partido. “Vou defender as bandeiras do PT, mais do que isso, da sociedade”.


Para o candidato petista a campanha de 2012 será diferenciada por ser nas ruas e ressaltou que está bastante preparado para a disputa eleitoral. “Preparei-me e sei dos desafios. E, queremos humanizar esta cidade. Temos condições de sermos uma cidade progressista”, afirmou.


Campanha


Vander destacou que está em condições de realizar um debate sério. “Principalmente sobre os custos de Campo Grande e do serviço prestado pela Prefeitura”.


O candidato enfocou o cenário eleitoral em Campo Grande. “Este é o melhor cenário desde 1996”, avaliou.


Todas as lideranças que discursaram durante o evento afirmaram que vão levar as eleições para o segundo turno, conforme a estratégia inicial do partido.


Ao encerrar seu discurso, Vander fez questão de convocar os militantes para pedir votos. “Ajudem-nos a ganhar quadra a quadra o coração de cada um que não está convencido deste projeto. Precisamos do apoio e do envolvimento de todos”.


Divergências


Adenete Pereira de Moura, presidente municipal do PT ressaltou que não há racha no partido. “Vamos fazer de 5 a 6 vereadores”, afirmou.


Jornal Midiamax