Geral

Próxima Cúpula sem Cuba ‘seria inaceitável’, diz líder colombiano

O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, afirmou na abertura da 6ª edição da Cúpula das Américas em Cartagena, na manhã deste sábado, que “seria inaceitável” uma nova edição do evento “com uma Cuba ausente”. “O isolamento, a indeferença já demonstraram sua ineficácia. No mundo de hoje não se justifica este anacronismo. Assim como seria […]

Arquivo Publicado em 14/04/2012, às 19h03

None

O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, afirmou na abertura da 6ª edição da Cúpula das Américas em Cartagena, na manhã deste sábado, que “seria inaceitável” uma nova edição do evento “com uma Cuba ausente”.


“O isolamento, a indeferença já demonstraram sua ineficácia. No mundo de hoje não se justifica este anacronismo. Assim como seria inaceitável uma próxima cúpula com um Haiti frustrado, também o seria com uma Cuba ausente”, afirmou Santos diante de 30 colegas americanos, entre eles o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama.


O presidente equatoriano, Rafael Correa, boicotou a cúpula por causa do veto dos EUA à participação de Cuba. Além dele, estão ausentes do encontro o venezuelano Hugo Chávez, que seguia recomendações médicas, e o presidente da Nicarágua, Daniel Ortega, que não deu motivos para a sua falta.

Jornal Midiamax