Geral

Parlamentares da oposição protocolam novo pedido para investigar Lula

Parlamentares do PSDB, DEM e PPS protocolaram nesta quarta-feira (12), às 15h30, representação na Procuradoria-Geral da República, em Brasília, em que pedem investigações com base no depoimento que o empresário Marcos Valério fez ao Ministério Público em setembro. Eles querem que a PGR investigue o ex-presidente ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, acusado de ter […]

Arquivo Publicado em 12/12/2012, às 21h40

None

Parlamentares do PSDB, DEM e PPS protocolaram nesta quarta-feira (12), às 15h30, representação na Procuradoria-Geral da República, em Brasília, em que pedem investigações com base no depoimento que o empresário Marcos Valério fez ao Ministério Público em setembro. Eles querem que a PGR investigue o ex-presidente ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, acusado de ter tido despesas pessoais pagas por Marcos Valério.



O documento toma como base as últimas informações dadas por Valério em depoimento fez ao Ministério Público, em setembro passado e, cujo teor foi divulgado na edição de hoje do jornal “O Estado de S. Paulo”.



“O depoimento de Valério diz que parte dos recursos desviados [no mensalão] foi para o ex-presidente — recursos que o próprio Supremo Tribunal considerou ilícitos. É isso que nós queremos que seja investigado”, afirmou ao UOL o líder do PSDB no Senado, Alvaro Dias (PR).



Ainda ontem, Dias encaminhou à PGR um pedido de cópia da íntegra do depoimento de Valério, mas ainda não obteve resposta do órgão.



O convite feito pela oposição para que Marcos Valério fale no Congresso Nacional foi protocolado ontem (11), mas só deverá ser colocado em votação na próxima semana. Caso não seja aprovado, devido à maioria governista nas duas Casas Legislativas, os senadores tucanos cogitam ouvi-lo em sessão fechada apenas com a presença de parlamentares e sem a participação da imprensa.


Jornal Midiamax