Geral

Obra de R$ 11 milhões nos altos da Afonso Pena abre sábado calendário de inaugurações 2012

Uma obra de R$ 11 milhões nos altos da Avenida Afonso Pena, região no entorno do Shopping Campo Grande, abre o calendário de inaugurações de 2012 da Prefeitura. Durante o mês de fevereiro serão inauguradas obras no valor de R$ 26,5 milhões, incluindo 19 corredores do transporte coletivo, 9 academias ao ar livre, revitalização de […]

Arquivo Publicado em 24/01/2012, às 22h28

None
707477842.jpg

Uma obra de R$ 11 milhões nos altos da Avenida Afonso Pena, região no entorno do Shopping Campo Grande, abre o calendário de inaugurações de 2012 da Prefeitura. Durante o mês de fevereiro serão inauguradas obras no valor de R$ 26,5 milhões, incluindo 19 corredores do transporte coletivo, 9 academias ao ar livre, revitalização de duas praças, asfalto e drenagem na Vila Nasser e Jardim Noroeste, além de uma escola no Residencial Oiti e de um Centro de Educação Infantil.


No sábado, às 9 horas, o prefeito Nelson Trad Filho entrega o novo sistema viário, iluminação pública e paisagismo, complementando o projeto de revitalização da avenida Afonso Pena que, desde setembro, vem recebendo investimentos, incluindo o recapeamento (executado pelo Governo do Estado), urbanização do canteiro central com a proibição do estacionamento em 45 graus, reforço da iluminação pública e será complementado com investimento de R$ 680 mil em sinalização.


Para quem trabalha ou tem negócios no entorno do Shopping Campo Grande, a entrega da obra é festejada “É um momento de comemoração, depois do sofrimento que enfrentamos no final de 2009, quando esta região ficou embaixo d”água”, exalta Jair Lindolfo, dono de um hotel de 300 leitos, construído exatamente na confluência da Afonso Pena com Paulo Coelho Machado. “Valeu a pena esperar. O prefeito está de parabéns”, destaca o empresário, que dá sacada do seu hotel tem uma visão privilegiada do projeto paisagístico implantado no canteiro central.


O mototaxista Claudecir Nascimento, que há mais de 10 anos trabalha no ponto em frente do shopping, destaca o novo sistema viário que liga a avenida Luiz Alexandre (Via Parque) à rua Paulo Coelho Machado, passando pela Afonso Pena. A superintendente do Shopping Campo Grande, Leila Dada salientou a importância das obras de drenagem e de reestruturação viária que junto com a ampliação do shopping vão valorizar a região. “Não poderia deixar de agradecer ao prefeito e sua equipe pelas obras”, disse a superintendente.


O representante da administradora do Shopping Campo Grande, Luiz Alberto Quinta ressaltou a importância e a dimensão das obras, atestando a coragem pela execução e grandiosidade da iniciativa. O prefeito Nelson Trad Filho recordou que a execução do projeto de drenagem pluvial foi um grande desafio destacando a dimensão da obra.


Foi construída uma galeria subterrânea para regular a vazão da água em dias de fortes chuvas com 220 metros de canal de concreto, com 7.5 metros de largura e três metros de altura, além de uma bacia de retenção e o muro de arrimo. As galerias tem capacidade para armazenar 99.448 mil litros de água. O concreto utilizado na obra era suficiente para erguer um prédio de 20 andares.


“Sofremos muito com a ansiedade da população de ver de imediato o problema da drenagem resolvido. Imaginávamos que o problema era grande, mas não tínhamos a dimensão exata da complexidade, descoberta ao longo dos trabalhos”. salientou o prefeito, registrando que a cidade teve a solução definitiva de um problema histórico.


O reordenamento viário permitirá a ligação da Via Parque à rua Paulo Coelho Machado e a Rubens Gil de Camillo, pela Mauro Rogério de Barros Vanderlei, cortando a avenida Afonso Pena. O projeto também inclui uma alça de acesso da rua Mauro Rogério à Paulo Coelho Machado, no sentido Afonso Pena-Mato Grosso; ligação da Via Parque à Ivan Fernandes Ferreira, que margeia o Parque das Nações Indígenas. A nova via garante o acesso à rua Coronel Cacildo Arantes, passando pela Afonso Pena.

Jornal Midiamax