Geral

Mulheres disputam 24 das 79 prefeituras de Mato Grosso do Sul

Dos 206 candidatos a prefeito de Mato Grosso do Sul, 13,1% são mulheres. As 27 candidatas concorrem ao comando de 24 das 79 prefeituras do Estado. Apenas em Juti, a disputa é protagonizada somente por mulheres. No município, Elizângela Martins dos Santos (PMDB) enfrenta Isabel Cristina Rodrigues (DEM). Dos cinco maiores municípios do Estado, três […]

Arquivo Publicado em 25/07/2012, às 18h57

None
576909373.jpg

Dos 206 candidatos a prefeito de Mato Grosso do Sul, 13,1% são mulheres. As 27 candidatas concorrem ao comando de 24 das 79 prefeituras do Estado. Apenas em Juti, a disputa é protagonizada somente por mulheres. No município, Elizângela Martins dos Santos (PMDB) enfrenta Isabel Cristina Rodrigues (DEM).


Dos cinco maiores municípios do Estado, três contam com a presença de mulheres na corrida eleitoral. Na segunda maior cidade sul-mato-grossense, a radialista Keliana Fernandes Mangueiras (PSC) representa o sexo feminino. Já em Corumbá, Solange Alves de Oliveira (PMDB) é uma entre os quatro candidatos.


Em Três Lagoas, a prefeita Márcia Moura (PMDB) busca seguir no comando da prefeitura. Também correm atrás da reeleição a prefeita de Eldorado, Marta Maria de Araujo (PT) e a prefeita de Antônio João, Lucia Regina Butkevicius (PMDB).


Atualmente comandada por Eledir Barcelos de Souza (PT), Aparecida do Taboado tem boas chances de continuar sob a administração de uma mulher. No município, dos três candidatos, dois são do sexo feminino, Haymee Monike Garcia (PMDB) e Maria Helena dos Santos (PR). 


Em Miranda o cenário é o mesmo, com duas mulheres entre os três candidatos. Estão de olho na prefeitura, Juliana Almeida (PT) e Marlene Bossay (PMDB).


Em Angélica, Marieta Pereira de Souza (PTB) disputa com dois homens. A mesma situação enfrentada por Maria Viana (PT), em Deodápolis; por Nilza Ferreira Marques (DEM), em Novo Horizonte do Sul; por Rosângela Silva Baptista (PMDB), em Porto Murtinho e por Márcia Regina Norbutas (PT), em Tacuru.


Em Paranaíba, Kátia Aparecida Ferreira (PRTB) enfrenta quatro homens; mesma situação que Ângela Cardoso (PR) passa em Ivinhema. Em Camapuã, Andrea Miranda (PTB) concorre com três homens.


A disputa será polarizada entre uma mulher e um homem em Brasilândia, Corguinho, Coronel Sapucaia, Glória de Dourados, Pedro Gomes, Rio Brilhante, Rio Negro e em Terenos. As representantes femininas nos oito municípios são, respectivamente, Eurides Palhari (PMDB), Marcela Ribeiro Lopes (PP), Nilcéia Alves de Souza (PR), Vera Baur (PR), Maura Teodoro Jajah (PMDB), Tania Mara de Castro, Iraci Marques Vendramini (PSD) e Carla Castro Brandão.

Jornal Midiamax