Geral

Homem com dois corações sobrevive a duplo ataque cardíaco

Em mais uma desses milagres da medicina que dão um aperto no peito da gente, um homem com dois corações sobreviveu a um duplo ataque cardíaco. A história aconteceu em 2010, mas foi revelada agora pelo site Body Odds. Diz lá que, em 2010, um italiano de 71 anos surpreendeu a equipe médica de um […]

Arquivo Publicado em 20/01/2012, às 12h49

None

Em mais uma desses milagres da medicina que dão um aperto no peito da gente, um homem com dois corações sobreviveu a um duplo ataque cardíaco.


A história aconteceu em 2010, mas foi revelada agora pelo site Body Odds. Diz lá que, em 2010, um italiano de 71 anos surpreendeu a equipe médica de um hospital de Verona ao dar entrada na unidade de saúde com dificuldade de respirar, suor e pressão arterial baixa.


Até aí, seria só outro paciente com problemas cardiovasculares. O choque veio quando os médicos descobriram a existência de um segundo coração no italiano. Omessa, tanta gente por aí sem coração, e ele com dois!


Depois veio a ciência e explicou tudo: anos antes, o homem passara por um procedimento chamado transplante heterotópico de coração. Do medicinês pro português, quer dizer implantar um coração “por cima” do coração doente para ajudar no bombeamento do sangue. A pessoa passa então a viver com dois corações, como certos adúlteros fazem.


O problema aí nem é que o paciente pode sentir duas vezes mais dor assistindo a cena da morte da mãe do Bambi ou em caso de decepção amorosa. Acontece que os dois corações podem bater em ritmos diferentes, causando problemas como o do italiano de 71 anos, que parou de respirar já no hospital.


Após ressuscitá-lo com um desfibrilador, os cirurgiões trocaram seu marcapasso e – PARLA! O italiano segue vivão e vivendo, tão cheio de amor pra dar quanto o ex-premiê, eterno fanfarrão e cantor brega Silvio Berlusconi.

Jornal Midiamax