Geral

Ex-presidente da OAB/MS critica falta de ética do governador e parabeniza Midiamax

O ex-presidente da OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Mato Grosso do Sul) Carmelino Rezende, comentou o trabalho do Midiamax sobre o vídeo veiculado em matéria, no qual o governador André Puccinelli aparece coagindo servidores a votar nos candidatos governistas. Veja a nota na íntegra: “Carlos Eduardo Naegele:Parabéns pelo útil e corajoso trabalho jornalístico […]

Arquivo Publicado em 24/08/2012, às 18h46

None

O ex-presidente da OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Mato Grosso do Sul) Carmelino Rezende, comentou o trabalho do Midiamax sobre o vídeo veiculado em matéria, no qual o governador André Puccinelli aparece coagindo servidores a votar nos candidatos governistas.


Veja a nota na íntegra:


“Carlos Eduardo Naegele:

Parabéns pelo útil e corajoso trabalho jornalístico sobre a reunião do Governador com funcionários do Estado em flagrante desrespeito à Lei Eleitoral, e, principalmente, à ética que um Governador deve manter no exercício do mandato.

Neste Estado, infelizmente, a divisão e independência dos poderes é, apenas, um mero acidente constitucional.  Todos estão acumpliciados com o Executivo e este com aqueles na divisão do butim (como no caso Rigo) e na cobertura dos seus eventuais deslizes como esse mostrado no Midiamax.

A gente só sai desse marasmo com a mobilização dos cidadãos e para isso é indispensável a existência de uma imprensa corajosa e independente.

A Midiamax está cumprindo seu papel.  Parabéns mais uma vez”.

Jornal Midiamax