Geral

Eleições presidenciais do Egito acontecem em maio e junho

A Junta Militar que governa o Egito desde o ano passado marcou para os próximos dias 23 e 24 de maio as eleições presidenciais. Os militares anunciaram a decisão sob forte pressão interna e protetos. As eleições ocorrerão em dois turnos, sendo que o segundo está marcado para 16 e 17 de junho. Na semana […]

Arquivo Publicado em 01/03/2012, às 11h45

None

A Junta Militar que governa o Egito desde o ano passado marcou para os próximos dias 23 e 24 de maio as eleições presidenciais. Os militares anunciaram a decisão sob forte pressão interna e protetos. As eleições ocorrerão em dois turnos, sendo que o segundo está marcado para 16 e 17 de junho. Na semana que vem, no dia 8, começam as inscrições para os pré-candidatos nessas eleições.

Os pleitos de maio e junho serão os primeiros desde que o ex-presidente Hosni Mubarak deixou o poder, em 11 de fevereiro de 2011. Mubarak renunciou em meio à pressão interna e externa, sob a acusações de irregularidades e violações. Ele e seus colaboradores serão julgados pela Justiça do Egito.

O presidente da Comissão Suprema de Eleições Presidenciais (Csep), Farouk Sultan, disse que o resultado das eleições presidenciais deve ser divulgado em 21 de junho. Segundo ele, a campanha eleitoral vai durar três semanas. Também está autorizada a participação dos egípcios que vivem no exterior, que poderão votar nas embaixadas e consulados por uma semana – de 11 a 17 de maio.

O chefe da Junta Militar que exerce o papel de presidente interino do Egito, marechal Mohamed Hussein Tantawi, disse que mantém sua promessa de transmitir o poder ao sucessor de forma democrática.

Recentemente houve eleições para o Parlamento do Egito – formado pela Assembleia do Povo (Câmara Baixa) e pelo Conselho Shoura. Os parlamentares são responsáveis pela elaboração da primeira Constituição do país.

(Com informações da emissora de televisão multiestatal, Telesur)

Jornal Midiamax