Geral

Câmara reforça pedido por médico legista em Nova Andradina

Produtor rural utilizou Tribuna Livre para reiterar reivindicação

Arquivo Publicado em 30/10/2012, às 14h55

None
1788890907.JPG

Produtor rural utilizou Tribuna Livre para reiterar reivindicação

A Tribuna Livre da Câmara de Vereadores de Nova Andradina recebeu, nesta segunda-feira (29), o produtor rural Edgar Freire dos Santos, autor de um abaixo-assinado que reivindica a contratação de um profissional para o Instituto Médico Legal (IML) do município.


A ausência de médicos legistas na instituição é antiga e tem causado transtornos a familiares que necessitam do atestado de morte para velar e sepultar parentes. A falta de profissionais para atuar no IML local tem obrigado o translado dos corpos a outros municípios e pautado uma série de reivindicações dos parlamentares da atual legislatura.


“No dia 19 de outubro, ocorreu no Bairro Escolinha um acidente envolvendo duas motos e uma vítima veio a falecer. Por não termos um médico legista, foi transportado até a cidade de Dourados. Em todo o processo do atendimento, levou aproximadamente 22 horas e o corpo do morto só ficou por duas horas velando”, lamentou Santos.


A vítima do acidente foi o também produtor rural José de Jesus, de 42 anos. “Isso é muito difícil. Um produtor rural morrer e a família naquela angústia esperando o corpo chegar, sofrendo e derramando lágrimas. Têm horas que eu choro, eu vivi aquele momento e senti na pele”, lembrou.


Diante da situação, Santos afirmou aos vereadores que elaborou um abaixo-assinado com o objetivo de chamar atenção para o problema. “Já colhi 2.500 assinaturas, mas não vou entregar hoje. Quero fazer desse abaixo-assinado o maior de Nova Andradina. Não para ter troféu, mas por que a causa é muito importante”, destacou.


O produtor rural também pediu união da classe política para reforçar o pedido. A solicitação contou com o respaldo dos parlamentares. “Vim buscar a união dos vereadores, sei que vocês lutaram, mas me falaram que esse caso é uma novela e, se for uma novela, tem um escritor, então vamos atingir o coração desse escritor”, concluiu.

Jornal Midiamax