Geral

Cade aprova entrada da JBS no mercado de abate de frangos em Mato Grosso do Sul

O plenário do Conselho Administrativo de Defesa Econômica – Cade aprovou nesta quarta-feira (29/8), por unanimidade, operação em que a JBS S.A. passa a alugar plantas de abate de frango da Doux Frangosul S.A. Agro Avícola Industrial nos municípios de Caarapó, no Mato Grosso do Sul, e Passo Fundo e Montenegro, no Rio Grande do […]

Arquivo Publicado em 30/08/2012, às 18h06

None

O plenário do Conselho Administrativo de Defesa Econômica – Cade aprovou nesta quarta-feira (29/8), por unanimidade, operação em que a JBS S.A. passa a alugar plantas de abate de frango da Doux Frangosul S.A. Agro Avícola Industrial nos municípios de Caarapó, no Mato Grosso do Sul, e Passo Fundo e Montenegro, no Rio Grande do Sul. De acordo com o contrato firmado entre as partes, pelo período de 10 anos, a JBS alugará todos os bens pertencentes ao ativo, incluindo marcas e equipamentos industriais.

A operação foi aprovada sem restrições, pois os conselheiros entenderam que o ato não representa elevada concentração no mercado de abate de frangos. O relator do caso, conselheiro Ricardo Machado Ruiz, avaliou que a operação é pró-competitiva, pois permite a entrada de uma empresa de grande poder econômico no setor de abate de aves – a JBS tinha até então participação insignificante no mercado de carne de frango in natura. O relator destacou ainda que a locação das plantas da Frangosul não afeta o mercado de abate de bovinos, mercado que tem recebido especial atenção do Cade.

Jornal Midiamax