Geral

Bancada fecha acordo e envia cinco emendas para a presidente Dilma aprovar três

A bancada federal de Mato Grosso do Sul escolheu as cinco emendas a serem enviadas para a presidente da República, Dilma Rousseff (PT). Das cinco, que totalizam R$ 120,9 milhões, Dilma escolherá três emendas, que serão acatadas e inseridas ao orçamento da União em 2013. A bancada de Mato Grosso do Sul apresentou 15 emendas coletivas ao […]

Arquivo Publicado em 18/12/2012, às 17h59

None

A bancada federal de Mato Grosso do Sul escolheu as cinco emendas a serem enviadas para a presidente da República, Dilma Rousseff (PT). Das cinco, que totalizam R$ 120,9 milhões, Dilma escolherá três emendas, que serão acatadas e inseridas ao orçamento da União em 2013.

A bancada de Mato Grosso do Sul apresentou 15 emendas coletivas ao Orçamento, totalizando R$ 1,84 bilhão. Porém, após consenso entre a bancada, ficou definido que apenas cinco seriam indicadas, já que Dilma só liberaria três por estado.

Após consenso foram selecionadas as seguintes emendas: R$ 26,5 milhões para implantação do projeto Sul-Fronteira – para pavimentação do trecho que liga Ponta Porã a Mundo Novo; R$ 21,5 milhões para manutenção da Unidade de Saúde – Fundação Pio XII , em Nova Andradina, com apoio do Hospital do Câncer de Barretos – SP; R$ 26,9 milhões para estruturação de unidades de atenção especializada em saúde, no município de Corumbá; R$ 21,5 milhões para apoio à projetos de sistemas de transporte coletivo urbano, incluindo obras e ações de apoio a mobilidade urbana e trânsito motorizado em Campo Grande e R$ 24,5 milhões para apoio a projetos de infraestrutura turística em Dourados.

Mato Grosso do Sul ainda tem direito a R$ 165 milhões em emendas individuais. Cada parlamentar dispõe de R$ 15 milhões para destinar a obras de pequeno e médio porte nos municípios.

Jornal Midiamax