Geral

Vasco massacra o América pelo Carioca: 9 a 0

O Vasco massacrou o América por 9 a 0 neste sábado, em Volta Redonda, e aplicou a maior goleada da História do confronto. Com gols de Fagner, Felipe, Jéferson, Marcel (2), Ramon (2) e Enrico (2), o Gigante despachou o Alvirubro na última rodada da Taça Guanabara. Vasco e America começaram a rodada com quatro […]

Arquivo Publicado em 12/02/2011, às 23h44

None
710095647.jpg

O Vasco massacrou o América por 9 a 0 neste sábado, em Volta Redonda, e aplicou a maior goleada da História do confronto. Com gols de Fagner, Felipe, Jéferson, Marcel (2), Ramon (2) e Enrico (2), o Gigante despachou o Alvirubro na última rodada da Taça Guanabara.


Vasco e America começaram a rodada com quatro pontos cada um, na sexta e sétima posição respectivamente. Os times, que não fizeram uma boa campanha na Taça Guanabara, foram a campo com o objetivo de recuperar a auto-estima para prosseguimento da temporada.


Vasco abre grande vantagem


O América começou a partida com maior posse de bola e o Vasco só assistia o Alvirubro jogar. Mas logo no início o Vasco deu um banho de água fria no adversário. Aos quatro minutos, Felipe fez boa jogada pela direita e rolou para o meio da área. Fagner que chegava de trás abriu o placar para o Gigante.


O América até tentava algumas investidas. Em uma delas chegou até a levar perigo ao gol do Vasco com Leandrinho. O atacante recebeu de Felipe Adão, sozinho dentro da área e chutou para o gol, mas a bola desviou em Anderson Martins e saiu. Porém, quem marcou o gol foi de novo o Vasco.


Aos 18 minutos, Eder Luis fez jogada pela esquerda e tocou para Felipe na entrada da área. O camisa 6 chutou para a meta de Mota e a bola entrou depois de desviar na zaga do América. O Cruz-maltino estava muito melhor na partida e corria atrás de mais gols. E foi o que aconteceu.


Ramon sofreu falta na entrada da área. Ele mesmo cobrou e aumentou para o Vasco aos 23 minutos. A pressão aumentava cada vez mais. No minuto seguinte, Fellipe Bastos cobrou escanteio com perfeição e Marcel ampliou, 4 a 0.


Aos 31, Felipe teve de deixar o jogo após levar uma pancada no olho e em seu lugar entrou Enrico. Logo em seu primeiro lance marcou o quinto gol do Vasco. Eder Luis cruzou para dentro da área e bola passou por todo mundo, menos por Enrico, que empurrou para o fundo das redes.


Assim acabou o primeiro tempo da partida. Domínio total do Vasco que saiu de campo com 5 a 0 no placar.


Vasco volta com tudo e faz mais quatro


Mas o Vasco não queria saber de parar por aí. Caíque, que entrou no intervalo no lugar de Eder Luis, invadiu a área driblando e marcou o sexto gol do Cruz-maltino na partida. Logo em seguida Enrico quase faz mais um. Chutou a bola cruzado, ams a bola saiu pela linha de fundo.


O Vasco continuou sufocando o América. Aos 18 minutos de partida Ramon marcou o sétimo gol do Cruz-maltino e seu segundo na partida. Jéferson entrou na área, mas foi desarmado pela defesa do Alvirubro, mas a bola sobrou para o lateral-esquerdo que balançou as redes.


Aos 24 minutos, que fez  mais um gol foi Jéferson. Isso mesmo, era o oitavo gol do Vasco. Caíque driblou os marcadores do América e tocou para Fellipe Bastos, que rolou para Jéferson fazer. Só dava Vasco.


Mesmo com o pedido de “mais um” da torcida presente no estádio o Vasco começou a trocar passes como se estivesse satisfeito com o placar, afinal estava 8 a 0. Porém aos 44 minutos, o time resolveu atender o pedido da torcida. Enrico de novo fechou o placar, 9 a 0.

Jornal Midiamax