Geral

Vander recebe apoio de Zeca e diz que PT prioriza unidade na escolha

Após receber o apoio das correntes Movimento PT, liderada pelo senador Delcídio do Amaral, e Construindo um Novo Brasil (CNB), do ex-governador Zeca, o deputado federal Vander Loubet afirmou que sua pré-candidatura a prefeito busca o respaldo das outras forças internas do partido: Democracia Socialista (DS), Articulação de Esquerda (AE) e PT de Lutas e […]

Arquivo Publicado em 22/10/2011, às 19h33

None
2107194835.jpg

Após receber o apoio das correntes Movimento PT, liderada pelo senador Delcídio do Amaral, e Construindo um Novo Brasil (CNB), do ex-governador Zeca, o deputado federal Vander Loubet afirmou que sua pré-candidatura a prefeito busca o respaldo das outras forças internas do partido: Democracia Socialista (DS), Articulação de Esquerda (AE) e PT de Lutas e de Massas (PTLM). Estes são passos decisivos, a seu ver, para consolidar a unidade como item fundamental na caminhada rumo à disputa pela prefeitura de Campo Grande.


“É necessário sublinhar que o PT busca a unidade numa questão pontual e específica, que é a escolha do nome para a disputa sucessória. Na ação política, nos objetivos e nas responsabilidade programáticas e estatutárias, a unidade já existe, não está em jogo”, ressalvou. Segundo Vander, outras questões de importância determinante no processo são o protagonismo das diversas correntes na construção do projeto para as eleições e o papel dos diretórios municipal e regional como instância máxima de direcionamento político e estatutário para balizar a caminhada do PT.


Apoio de Zeca


O anúncio oficial do apoio da CNB à pré-candidatura de Vander em Campo Grande foi feito na manhã deste sábado (22) por Zeca do PT durante reunião do grupo. Na ocasião, o ex-governador destacou a importância do deputado para a corrente e para o PT e comemorou o apoio declarado pelo grupo ligado ao senador Delcídio. “O Vander é o nosso candidato. Sempre foi o candidato natural da nossa corrente na minha ausência. E o apoio do Movimento PT é um gesto que reconhecemos e que é fundamental para a unidade política”, declarou.


PT é maior


O deputado Vander observa que o partido, por seu programa e sua história, estarão sempre acima dos outros interesses. “O PT e sua idéia de sociedade justa e desenvolvida é maior que as pessoas. Foi construído e amadurecido na luta pelas liberdades e pela democracia. É uma força social que não tem constrangimento nem temor de exercitar suas diferenças internas. A diversidade de opiniões e de concepções que se manifesta livremente entre as correntes é o que qualifica e legitima o PT como partido apto a representar o pensamento do conjunto de toda a sociedade”, afirmou.


Para o parlamentar, o apoio da CNB e do Movimento PT, que trazem consigo duas forças decisivas da política regional – Zeca e Delcídio – pode significar um sinal efetivo de avanço na expectativa de uma candidatura consensual, mas não esvazia e nem desqualifica a legitimidade da pré-candidatura do deputado estadual Pedro Kemp. “Eu vou conversar com o Kemp, assim como já conversei e vou continuar conversando com o Delcídio, o Zeca e os interlocutores de todas as correntes”, salientou Vander, ao enfatizar que a dinâmica do entendimento será mantida e alimentada, não sofrerá interrupção.


“Todo o processo do qual participo na condição de pré-candidato estará sempre submetido à autoridade política das instâncias dirigentes e dos estatutos. O meu empenho é para ser candidato do PT, do partido como um todo, na soma de todas as suas correntes e nos acúmulos da sua história e da sua participação na política do País há mais de 30 anos”, conclui.

Jornal Midiamax